Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Pedreiro morre após ser baleado e família é agredida por suspeitos

A dupla invadiu a casa da família, agrediu o pai do pedreiro e ainda atirou contra um irmão que está internado em estado grave 

Corpo foi levado pela viatura do IML para procedimentos de identificação no Instituto

Corpo foi levado pela viatura do IML (Antônio Lima)

O pedreiro Marivânio Magalhães Vieira, 32, morreu e o irmão, que não teve o nome revelado, está internado após serem agredidos e atingidos por tiros na noite deste domingo (8). O crime aconteceu na rua Bom Jardim, beco São Luís, bairro Novo Israel, na Zona Norte de Manaus, na casa onde os irmãos moravam. De acordo com a polícia, o pai das vítimas ainda chegou a ser agredido com coronhadas na cabeça pelos assassinos, que seriam traficantes do bairro.

Segundo informações da assessoria de imprensa da Polícia Civil do Amazonas, testemunhas informaram para os policiais que o atirador e um comparsa foram até a casa de Marivânio e invadiram o local atrás do mesmo para cobrar uma dívida de drogas, tendo em vista que era usuário.

A dupla encontrou o pai das vítimas e começaram agredi-lo, perguntando onde Marivânio estava. Após a agressão, os suspeitos foram até o quintal onde encontraram o pedreiro, também o agrediram e depois atiraram contra ele. O irmão da vítima viu a cena e tentou fugir, mas foi alcançado pelos assassinos. Ele foi atingido por tiros e está internado em estado grave no Hospital e Pronto Socorro Dr. João Lúcio.

O corpo de Marivânio foi removido pelo Instituto Médico Legal (IML) e a Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS) está investigando o caso.