Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Polícia registra aumento de 150% nas emissões de RGs em ano

No último ano, foram expedidas 5 mil carteiras de identidade contra 16 mil em 2013

Em Manaus, a Polícia Civil possui atualmente 39 postos onde a identidade pode ser requerida

Em Manaus, a Polícia Civil possui atualmente 39 postos onde a identidade pode ser requerida (Divulgação/PC)

Expedir certidões de antecedentes criminais e carteiras de identidade, revelar impressões digitais, produzir retratos falados, atuar de maneira integrada ajudando os Distritos Integrados de Polícia (DIPs) e servir da melhor maneira possível a população amazonense. Essas são algumas das funções do Instituto de Identificação Aderson Conceição de Menezes (IIACM) da Polícia Civil, que em um ano teve aumento de 150% no número de emissão de RG.

No último ano, foram expedidas 5 mil carteiras de identidade. Em 2013, no período de janeiro à novembro, o número de emissões de identidade foi de 16 mil carteiras, um aumento de 150% em relação ao mesmo período do ano passado, ressaltando que foram realizadas por volta de 396 ações sociais durante o período.

Sob a coordenação do perito criminal Eduardo Neiva, que está há 23 anos na Polícia Civil, o IIACM elevou em 20% o número de emissões de documentos de identificação. “No ano passado foram expedidas 215.813 mil carteiras de identidade, com média de 17.984 ao mês. Este ano, até novembro, foram tiradas 230 mil identidades, numa média de 21 mil carteiras ao mês”, frisou.

Os mutirões realizados pelo IIACM têm se tornado cada vez mais uma alternativa viável à população. O instituto, em parceria com a Secretaria Estadual de Ação Social (Seas), Ouvidoria do Estado e Secretaria Municipal de Assistência Social e Direitos Humanos (Semasdh), entre outros órgãos, realiza aos finais de semana ações sociais (mutirões) para que a população tenha acesso aos documentos.

“As pessoas trabalham e nem sempre podem largar o serviço durante a semana para irem ao Instituto de Identificação ou procurar um Pronto Atendimento ao Cidadão (PAC)”, explicou Eduardo Neiva.

Em Manaus, a Polícia Civil possui atualmente 39 postos onde a identidade pode ser requerida, destes, dois são exclusivos para o atendimento de idosos e pessoas em situação de vulnerabilidade, localizados na sede do IICAM. Existem também em Manaus seis PACs que emitem primeiras e segundas vias do RG.

“Tirar a identidade é uma questão de cidadania. Só assim é possível provar que somos cidadãos. Sem identidade não podemos ingressar na escola, não podemos escolher nossos representantes nas eleições e nem conseguiremos emprego”, ressaltou Eduardo Neiva.

 Outros serviços oferecidos pelo IIACM

O órgão também realiza atividades de ordem criminal. Somente em 2012, 127 casos foram solucionados por meio da produção de retratos falado. Até novembro deste ano, esse número chegou a 116. Desses casos, 30% obtiveram resultado positivo, ocasionando assim, a localização de foragidos da Justiça.

Em exames de papiloscopia (identificação por meio de impressões digitais), o número de casos registrados pelo IICAM foi de 344 em 2012. Já em 2013, esse número chega a 396 novos casos até novembro.

A emissão de antecedentes criminais também apresentou aumento. Em 2012 foram emitidos 23.708 atestados de certidão negativa. Até novembro deste ano, o número de emissões chegou a 25.226, com média mensal de 2.293 certidões de antecedentes criminais emitidas.

*Com informações da assessoria de imprensa da Polícia Civil do Amazonas