Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Prefeitura e ambulantes entram em acordo para atuação nos eventos da Copa do Mundo

Para cada produto vendido na FIFA Fan Fest™, os ambulantes receberão R$ 0,50 - antes, o valor era 50% mais baixo. Já na Zona Leste de Manaus, onde acontecerã um Public Viewing, o lucro será de 100% dos comerciantes

Anfiteatro da Ponta Negra recebe a concentração de torcedores

O acordo foi feito pela Prefeitura de Manaus, por meio da Manauscult e Sempab em diálogo com sindicato dos ambulantes (Erica Melo)

Cerca de 140 ambulantes credenciados atuarão em Manaus durante a Copa do Mundo da FIFA Brasil 201. Os vendedores receberão apoio dos patrocinadores do evento e atuarão na venda de bebidas na FIFA Fan Fest™, que será realizada no Complexo Turístico da Ponta Negra, e no Public Viewing (evento de transmissão pública) da Avenida Itaúba, no Jorge Teixeira, Zona Leste de Manaus.

O acordo foi feito pela Fundação Municipal de Cultura, Turismo e Eventos (Manauscult) e Secretaria Municipal de Feiras, Mercados, Produção e Abastecimento (Sempab), em parceria com a FIFA, patrocinadores oficiais do Mundial e Sindicato do Comércio dos Vendedores Ambulantes de Manaus (Sincovam). Para cada produto vendido na FIFA Fan Fest, os ambulantes receberão R$ 0,50. No entanto, na Zona Leste o lucro será de 100%. Os ambulantes receberão ainda uniformes, apoio na logística e alimentação.

Segundo o gerente de projetos da Manauscult, Aristóteles Almeida Neto, o acordo também contempla o comércio local. “Fizemos alguns ajustes e acordos em relação à atuação dos ambulantes nas áreas oficiais de eventos e a FIFA entendeu a necessidade. Queremos que todos tenham oportunidade de renda e que os comerciantes locais participem efetivamente do Mundial”, declarou Aristóteles.

Segundo o vice-presidente da Sincovam, Raimundo Sena, cerca de 80 ambulantes atuarão na Fan Fest e outros 60 na zona Leste. “A participação dos vendedores ambulantes nas Sedes da Copa faz parte de uma discussão desde 2009, quando foi criada uma comissão nacional do segmento para que todos pudessem participar do Mundial vendendo seus produtos e gerando renda na economia local”, disse.

Sena informou ainda que, para democratizar os negócios, o sindicato fez um termo de cooperação entre os ambulantes, rateando o lucro e dividindo igualmente entre todos os vendedores.

Fiscalização

A Sempab vai atuar durante a Copa do Mundo da FIFA Brasil 2014™ na fiscalização e orientação do comércio de rua, ou seja, o comércio informal. Por questões de segurança e de mobilidade urbana, os ambulantes não terão autorização para comercializar nenhum tipo de produto dentro das ARCs e proximidades, apenas os que tiverem autorização dos patrocinadores da Copa.

Com relação aos produtos comercializados inadequadamente, um caminhão da Sempab irá auxiliar na apreensão destes materiais. Tudo o que for recolhido pelos fiscais terá como destino a sede da secretaria, na rua Carvalho Paes Andrade, 140, São Francisco, zona Sul, onde poderá ser solicitada a devolução imediata.

Dos fiscais designados para a Copa, 11 deles já estão atuando no Complexo Turístico da Ponta Negra para orientar e retirar os ambulantes não autorizados do local. Na Avenida Itaúba, onde ocorrerá transmissão pública dos jogos, serão dez fiscais controlando o comércio informal.