Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Suspeito de assalto no Banco do Brasil é preso com arma na Zona Leste de Manaus

Ao analisarem o celular do suspeito, a polícia encontrou mensagens de texto sobre o assalto ocorrido na última terça-feira


O celular foi enviado para a perícia e se comprovado a sua participação no assalto ao Banco, ele também será indiciado por roubo

O celular foi enviado para a perícia e se comprovado a sua participação no assalto ao Banco, ele também será indiciado por roubo (Divulgação/PM)

Marcelo Blanco da Silva, de 25 anos, foi preso na noite desta quarta-feira (26) após uma abordagem policial na rua Ibicaré, bairro Novo Aleixo,  na Zona Leste de Manaus. Ele é suspeito de integrar a quadrilha que assaltou o Banco do Brasil da avenida Autaz Mirim, bairro Jorge Teixeira, na última terça-feira (25). A polícia encontrou mensagens no celular dele com conversas que descrevem as ações antes, durante a após o crime.

O suspeito foi abordado por policiais militares da 27ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom) com apoio da Força Tática em um veículo, modelo Cleta, de cor cinza e placas OAG-5742, em atitude suspeita em uma área considerada vermelha pela polícia. Ele estava sentado no banco de passageiros com um casal de conhecidos, do qual havia pegado uma carona.

 Após revista no veículo, os policiais encontraram um revólver calibre 38 onde Marcelo estava sentado. Todos foram levados para o 6º Distrito Integrado de Polícia (DIP) e ao analisarem o celular do suspeito, a polícia encontrou mensagens de texto sobre o assalto ocorrido na última terça-feira.

Na ocasião, três indivíduos abordaram o segurança do banco e anunciaram o assalto para clientes e funcionários. Ninguém saiu ferido e a ação durou menos de 10 minutos. 

O casal foi liberado após a polícia constatar que não havia envolvimento dos mesmos no crime. Marcelo foi autuado por porte ilegal de arma de fogo de uso permitido.

O celular foi enviado para a perícia e se comprovado a sua participação no assalto ao Banco, ele também será indiciado por roubo. Marcelo nega o crime.