Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Suspeito de cometer 18 homicídios em Manaus é preso no interior do AM

Jeanderson já responde a sete processos na Justiça, sendo três por homicídio, um por furto, dois por tráfico de drogas e um por porte ilegal de arma de fogo

Existem 18 inquéritos policiais por homicídio associados a ele e ao irmão do suspeito

Existem 18 inquéritos policiais por homicídio associados a ele e ao irmão do suspeito (Divulgação )

Investigadores da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), coordenados pelo Delegado Titular, Paulo Martins, prendeu na tarde de quinta-feira (6), por volta das 15h, Jeanderson dos Anjos Nogueira, 33, conhecido como “Bili”, em frente a um restaurante situado nas proximidades do porto do município de Nova Olinda do Norte (localizado a 135 quilômetros em linha reta de Manaus).

“Bili” estava sendo investigado há 10 meses pela equipe da DEHS. Ele é  suspeito de participar de pelo menos 18 homicídios cometidos nas Zonas Norte, Leste e Oeste da capital amazonense. O homem foi preso após três dias de operação nos municípios de Nova Olinda do Norte e Autazes. Os policiais identificaram o carro dele, uma pick-up Saveiro de cor verde e placas OAA-1347 e montaram campana no lugar. No momento em que ele se aproximou do automóvel, os investigadores deram voz de prisão.

Durante coletiva realizada na manhã de hoje, na sede da DEHS, o Delegado Paulo Martins revelou detalhes das investigações. “Estávamos investigando Jeanderson e o irmão dele há 10 meses. Ontem conseguimos chegar até Jeanderson, que confessou autoria de cinco homicídios. Ele afirmou ainda que teve participação, juntamente com o irmão, em outros crimes. Jeanderson já responde a sete processos na Justiça, sendo três por homicídio, um por furto, dois por tráfico de drogas e um por porte ilegal de arma de fogo. Existem 18 inquéritos policiais por homicídio associados a ele e ao irmão dele. Na Delegacia Especializada ele confessou ser autor de cinco desses delitos”, declarou.


O Titular da DEHS ressaltou ainda que os crimes cometidos pelos irmãos foram motivados principalmente pelo envolvimento com tráfico de drogas e aconteceram entre 2012 e final de 2013. De acordo com as investigações, Jeanderson e o irmão dele, Francisco Diego dos Anjos Albuquerque, comandavam o tráfico na Zona Norte, mais precisamente no bairro Nova Cidade. O irmão dele está sendo procurado pela polícia.

O Delegado Adjunto da DEHS, Gerson Oliveira, que também participou das investigações, informou que os dois fazem parte de uma quadrilha que distribuía drogas para pequenos traficantes da área da Zona Norte. “Quando algum deles “trocava” de fornecedor os irmãos mandavam matá-los. Outros homicídios estão vinculados à vingança particular”, disse.

Após os procedimentos cabíveis na unidade policial, Jeanderson, que já tinha dois mandados de prisão em nome dele por tráfico de drogas e um por homicídio em aberto, será encaminhado à Cadeia Pública Desembargador Raimundo Vidal Pessoa, onde ficará à disposição da Justiça.

O Delegado Paulo Marins pede a colaboração da população para localizar Francisco Diego, já que ele é considerado uma pessoa de alta periculosidade. O telefone da DEHS é (92) 3681-5725. Informações também podem ser repassadas ao disque-denúncia da Secretaria de Segurança Pública do Estado (SSP-AM), 181. A Polícia Civil assegura o sigilo da identidade dos informantes.

*Com informações da assessoria de imprensa