Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Travesti com droga no sutiã é encontrado morto na Zona Leste de Manaus

O corpo ferido com um grande golpe de faca na veia jugular estava jogado em uma área de mata, que de acordo com investigadores da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (Dhes) mesmo ao lado do terreno de uma Igreja, é conhecido por ser ponto de encontro entre travestis e seus clientes

No interior do sutiã usado pelo travesti, que aparentava ter entre 28 e 30 anos, a polícia encontrou uma pequena porção de supostamente cocaína e R$110

No interior do sutiã usado pelo travesti, que aparentava ter entre 28 e 30 anos, a polícia encontrou uma pequena porção de supostamente cocaína e R$110 (Tony Lima/ Freelancer)

Um travesti até o momento não identificado pela polícia foi encontrado morto no fim da tarde desta sexta-feira (18), pelo caseiro de um terreno pertencente a uma Igreja Evangélica, localizado nas proximidades da Avenida Grande Circular, Zona Leste de Manaus.

O corpo ferido com um grande golpe de faca na veia jugular estava jogado em uma área de mata, que de acordo com investigadores da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (Dhes) mesmo ao lado do terreno de uma Igreja, é conhecido por ser ponto de encontro entre travestis e seus clientes.

“Acreditamos que ele tentou lutar com o autor do crime, já que em suas mãos também tinham cortes”, disse um investigador que não quis ser identificado.

Ainda conforme o investigador, profissionais da perícia da Polícia Civil, acreditam que o intervalo entre a hora da morte e do encontro do corpo foi de oito horas. No interior do sutiã usado pelo travesti, que aparentava ter entre 28 e 30 anos, a polícia encontrou uma pequena porção de supostamente cocaína e R$110, o que para a fonte consultada pela reportagem, pode ser indício de que a vítima estivesse realizando além de programa sexuais a venda de entorpecentes.

O corpo foi levado ao Instituto Médico Legal (IML), e não foi procurado por parentes até o fechamento desta matéria.

assista: A Crítica na TV

Facebook Voce Reporter
Denuncia