Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Em Manaus, criança aguarda consulta no Hemoam há 10 dias por falta de ambulância em PS

Segundo os pais, filha de 12 anos foi internada no dia 22 de julho e perdeu consulta na última quarta (30) por falta de ambulância no PS da Criança da Zona Oeste. Hospital afirma que consulta está marcada para duas semanas

Pais afirmam que aguardam consulta no Hemoam há 13 dias

Pais afirmam que aguardam consulta no Hemoam há 13 dias (Clóvis Miranda)

D.V.C, de 12 anos, aguarda a realização de exames de sangue há 10 dias na Fundação Hospitalar de Hematologia e Hemoterapia do Amazonas (Hemoam). Segundo a mãe, a criança possui sintomas de leucemia e acusa o PS da Criança da Zona Oeste de negligência por não realizar o transporte até á Fundação para a realização de consulta. A direção do hospital nega a acusão e afirma que o diagnóstico da doença não foi confirmado.

A menina está internada desde o dia 22 de julho no Pronto Socorro, localizado na Compensa. Os pais da criança ainda alegam falta de ambulâncias no hospital para conduzi-la até o Hemoam.

A mãe da menina, a dona de casa Tieny Menezes de Carvalho, 34, mora no bairro Colônia Terra Nova, Zona Norte de Manaus. Ela conta que a criança tem leucemia e foi internada mês passado por ter apresentado um quadro de imunidade baixa. Segundo ela, os médicos aconselharam que a internação seria a melhor alternativa.

“Ela já estava muito ruim de saúde, mas mesmo internada a situação só piora. Ela não quer comer, tem dificuldade para fazer xixi e cocô e conta que sente dor”, afirmou a dona de casa.

De acordo com Tieny, uma consulta estava marcada na última quarta-feira (30) no Hemoam, porém devido à falta de uma ambulância para realizar o deslocamento, a criança não pode fazer o exame. Segundo ela, o hospital não informou uma nova data para consulta.

“Disseram que tinha ocorrido um acidente e a única ambulância disponível teria que ir pra esse caso, como se o caso da minha filha também não fosse urgente. O meu marido ficou desesperado e tentou levá-la de carro até lá, mas o hospital disse que não podia e teríamos que aguardar... Eu não sei mais o que fazer e por isso estou pedindo ajuda”, relatou.

Consulta

Por meio de nota, a direção do Pronto-Socorro da Criança da Zona Oeste informou que a paciente encontra-se internada na enfermaria da unidade e tem consulta agendada para o próximo dia 14 deste mês. Ainda segundo a direção, não houve solicitação médica de remoção da criança para o centro de referência e o diagnóstico de leucemia não foi confirmado.

Ainda conforme a direção, como parte do processo de investigação diagnóstica, a criança realizará, na próxima terça-feira (5), o exame de mielograma, que deverá ser apresentado na consulta do dia 14.