Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Médicos convocados que não se apresentaram e UBSF não podem ser inauguradas

A Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) informou que dos 131 profissionais aprovados em concurso público de todas as categorias apenas 23 compareceram no prazo máximo estipulado pelo edital

UBSFs atuais têm130m². As antigas mediam apenas 32m²

UBSFs aguardam médicos convocados para serem inauguradas (Divulgação )

Pelo menos cinco Unidades Básicas de Saúde da Família terão que esperar a próxima convocação para talvez serem inauguradas. Isso porque dos 131 médicos convocados pela Prefeitura de Manaus apenas 23 se apresentaram durante a quinta chamada, encerrada na última quarta-feira (11).

Apesar da data de apresentação ter sido prorrogada pela Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), os candidatos aprovados no concurso público para provimento de cargos em 2012 deixaram de se apresentar e de fazer qualquer solicitação à Semsa.

A Prefeitura ainda vai divulgar na próxima semana a relação dos que pediram prorrogação de posse, os que perderam a vaga e os que solicitaram a inclusão no final da fila.

O secretário municipal de Saúde, Evandro Melo informou que a Semsa vai realizar uma nova contabilização para saber quantos candidatos aprovados irão convocar para suprir a necessidade das unidades para atender a grande demanda de usuários

 "Vamos esperar a relação final para que possamos fazer uma nova convocação de outros aprovados. Das quatro vagas de pediatra, nenhum tomou posse para iniciar os trabalhos".

Melo destaca que médicos especialista foram convocados e não compareceram. Por conta da ausência dos aprovados a Semsa chamará outros profissionais da lista para conseguir inaugurar as unidades.

"Dos cinco médicos urgencistas que também chamamos do concurso, nenhum se apresentou. Portanto, teremos que chamar outros nomes para que possamos dar continuidade aos nossos trabalhos de inaugurações de unidades básicas de saúde e de dotar a Rede Municipal de Saúde de recursos humanos suficientes", disse.

Em algumas especialidades médicas, nenhuma vaga foi preenchida como as quatro de pediatra, as cinco para médico urgencista e a única vaga para médico hematologista.

Vagas que ainda não foram ocupadas

Ficaram em aberto também 15 vagas para médico clínico geral, três para ginecologista/obstetra, três para neonatologista, uma para psiquiatra, uma para médico psiquiatra, três vagas de agente de zoonoses, cinco de assistente em administração, duas de auxiliar de saúde bucal, uma de maqueiro, uma de motorista.

Ainda estão disponíveis 12 vagas de técnico de enfermagem, seis de técnico de hemoterapia, duas de técnico de patologia clínica, uma de analista de sistemas, uma de assistente social, uma de auditor do Sistema Único de Saúde (SUS), sete de cirurgião-dentista geral, uma de cirurgião-dentista periodontista, duas de enfermeiro epidemiologista, 12 de enfermeiro, quatro de farmacêutico entre outras.

"Quem não veio tomar posse para pedir pelo menos o que tem direito, como a prorrogação de mais 30 dias de posse ou solicitar o ingresso no final da fila, perdeu a vaga como servidor da Semsa", salientou Melo.

Bom salário não atrai candidatos ao SAMU

"Estamos precisando de médicos para o Serviço Móvel de Urgência, o SAMU, e nenhum médico urgencista se apresentou. O salário da Semsa de médico é um dos melhores, são R$ 11.767,97 para 40 horas e R$ 5.626,80 para 20 horas e precisamos destes profissionais", contou o secretário municipal de Saúde.

Chamada de aprovados

O concurso foi realizado em 2012 para 1.910 vagas, sendo 520 para profissionais da saúde (médicos) e 1.390 para trabalhadores de saúde.

Foram aprovados 8.329 candidatos aprovados e homologados, sendo 1.019 profissionais de Saúde  (médicos) e 7.310 trabalhadores da saúde.

Neste ano de 2013, a Semsa convocou 980 profissionais.  No total, foram chamados 134 médicos, 289 cargos de nível superior, 472 de nível médio e 85 dos demais cargos.

"O objetivo da Semsa é suprir o déficit de recursos humanos, ampliando a capacidade de atendimento ao usuário e facilitando o acesso aos serviços de forma mais humanizada e resolutiva. Estamos no aguardo dos profissionais restantes para que possamos inaugurar cinco unidades de saúde", declarou Evandro Melo.

UBSFs que aguardam os profissionais para serem inauguradas

1 - UBSF L-05 -  Avenida Agalmatolita, c/ Rua Batrum, nº 1147 -  Bairro Tancredo Neves

2 - UBSF O-48 - Rua Sapucaia – Parque Riachuelo II – Bairro Tarumã

3 - UBSF N-58 – Rua Capiberibe, Nº 2 – Loteamento Águas Claras, Bairro Novo Aleixo

4 - UBSF N-57 – Rua Halésia – Loteamento Rio Piorini, Bairro Terra Nova

5 - UBSF O-47 – Rua Peter Drucker – Parque Riachuelo I – Bairro Tarumã Departamento de Comunicação - SEMSA

Com informações da assessoria de comunicação