Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Mega operação combate o tráfico de drogas em áreas do Prosamim

Mais de cem policiais civis, militares, do Grupo Força Especial de Resgate e Assalto (FERA) e do Grupamento de Radiopatrulhamento Aéreo (GRAER) participaram da ação

A polícia continua cumprindo os mandados nos conjuntos do Prosamim do Mestre Chico e na Colônia Oliveira Machado

A polícia continua cumprindo os mandados nos conjuntos do Prosamim do Mestre Chico e na Colônia Oliveira Machado (Divulgação)

Mais de cem policiais civis e militares deflagraram a ‘Operação Centro Seguro 5’ contra o tráfico de drogas doméstico no Parque Residencial Manaus, Mestre Chico e no bairro Colônia Oliveira Machado na manhã desta quinta-feira (27). No total, vinte mandados de busca e apreensão cumpridos após prisão de envolvidos no esquema e denúncias ao 181 da Secretaria de Segurança Pública (SSP).

De acordo com a delegada titular da Seccional Sul, Márcia Araújo, a operação foi deflagrada após a polícia confirmar a atuação de traficantes de entorpecentes nas áreas que são alvos da busca e apreensão.

“A atuação do tráfico na área é forte, inclusive com a corrupção de menores de idade que atuavam na venda desses entorpecentes. Algumas prisões já foram realizadas anteriormente, com apreensão de grandes quantidades de drogas e isso enfraqueceu a movimentação da comercial ilegal no local”, disse a delegada.

Policiais civis da Seccional Sul, Grupo Força Especial de Resgate e Assalto (FERA), policiais militares e o Grupamento de Radiopatrulhamento Aéreo (GRAER) participaram da ação. A Prefeitura de Manaus, Secretarias Municipais do Centro (Semc) e Assistência Social e Direitos Humanos (Semasdh), além do Conselho Tutelar da Zona Sul também participaram da operação, com o objetivo de resgatar crianças e idosos em situação de vulnerabilidade social.

Álvaro Maia Sarmento, de 39 anos, foi preso no Parque Residencial Manaus, localizado na avenida Igarapé de Manaus, Centro, com drogas e uma arma. De acordo com a polícia, o proprietário do Mercadinho Álvaro foi preso após trouxinhas de entorpecentes serem encontradas no balcão onde eram comercializadas as verduras, assim como uma arma de fogo, que estava no quarto do suspeito.


Álvaro justificou a presença de drogas na sua casa dizendo que era apenas um usuário, porém a polícia informou que o seu estabelecimento comercial já era alvo da investigação. Segundo eles, o suspeito aproveitava a movimentação de consumidores no mercadinho para vender os entorpecentes disfarçadamente.

Igevan Evangelista Faba, 29, foi preso com nove porções de oxi. Além de Tatiane Souza Lucena, 18, portando oito porções de maconha, que estavam escondidas dentro de uma caixa de picolé. Ronaldo Martins Souza, 32, foi preso no Prosamim do Mestre Chico com 30 porções de cocaína em pó. Outras oito pessoas foram detidas e conduzidas à delegacia. Elas foram liberadas após prestarem esclarecimento.

Os suspeitos foram levados para o 2º Distrito Integrado de Polícia (DIP) e foram autuados em flagrante por tráfico de drogas. Álvaro vai responder ainda por porte ilegal de arma de fogo de uso permitido e liberado após o pagamento de R$ 1 mil de fiança.