Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Núcleo de Prática Jurídica realiza atendimentos neste sábado (2)

Os alunos do projeto realizarão atendimentos jurídicos supervisionados na comunidade Terra Nova, localizada na zona Norte de Manaus

Instituição busca envolver alunos, professores e servidores nas atividades do Mundial

As atividades do NPJ da UEA levam os estudantes para a prática da advocacia e de ações de conciliação jurisdicionais (Antonio Menezes)

O Núcleo de Prática Jurídica da UEA (NPJ) vai realizar neste sábado (2) uma atividade itinerante na comunidade Terra Nova, na zona Norte de Manaus. O NPJ leva estudantes de Direito da Universidade para a prática da advocacia e de ações de conciliação jurisdicionais.

Os alunos do projeto realizarão atendimento na Igreja Bíblica Cristã, localizada na rua Nhamundá, sem número, comunidade Terra Nova. Os acadêmicos voluntários do grupo vão realizar atendimento acompanhados e supervisionados pela coordenadora do NPJ, Adriana Lima, e pelo Dr. Paulo Oliveira, no horário de 8h às 12h.

As atividades do NPJ contam com assistência e ensino da prática jurídica aos alunos e levam os estudantes para a prática da advocacia e de ações de conciliação jurisdicionais.  O núcleo foi criado em 2004 com o objetivo de oferecer atendimento jurídico qualificado e gratuito a pessoas de baixa renda.

Segundo a coordenadora do NPJ/UEA, Adriana Lima, os atendimentos jurídicos serão realizados por alunos do curso de Direito do 7º ao 9º período. “Esta é a primeira ação do ano de 2014. As atividades do núcleo serão realizadas mensalmente após o período eleitoral em vários bairros com moradores de baixa renda”, disse.

Adriana explica que os alunos realizarão orientação jurídica para processos em tramitação na Justiça nas áreas de Direito Previdenciário, Civil,
Família e Juizados Especiais, Criminais e Cíveis. “Estamos contemplando os alunos do curso de férias para participarem dessas atividades e para que eles tenham contato externo com os moradores, além do conhecimento adquirido em sala de aula”, afirmou.