Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

PSD do Amazonas oficializa nomes para os diretórios

Secretário-geral do partido disse que entregou nesta quarta (28) no TRE-AM a relação dos membros da sigla

Há cinco meses, o prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab (à esquerda) e governador Omar lançavam o PSD no AM

Há cinco meses, o prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab (à esquerda) e governador Omar lançavam o PSD no AM (Marcio Silva - 10/abril/2011)

Um dia depois da Justiça Eleitoral acatar, por seis  votos a um,  o pedido de registro do Partido Social Democrático (PSD), o secretário-geral da nova legenda no Amazonas, Paulo Radin, apresentou ao Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas (TRE-AM) os nomes de todos os membros dos diretórios estadual e municipais. O PSD  é a 28ª agremiação partidária do País.

Na noite de terça-feira (27), o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), decidiu que o PSD cumpriu todos os requisitos para a constituição de um partido, entre eles, obter o apoio de, no mínimo, 491 mil eleitores. Nesta quarta-feira (28), a sigla já constava no sistema do TSE com o número 55.

De acordo com Paulo Radin, após o registro dos diretórios do partido no Amazonas, realizado oficialmente ontem à tarde, a sigla também passará a constar na seção de controle e registro de partidos do TRE. O passo é necessário para que o partido comece o processo de filiação.

“Tem muita gente aguardando filiação. Se considerarmos apenas os que têm intenção de se filiar, acredito que teremos de 300 a 500 filiações de imediato”, afirmou Paulo Radin. Segundo ele, todas as filiações serão realizadas diretamente pelo diretório estadual do PSD.

Os diretórios municipais do PSD no Amazonas serão em Manaus, Novo Airão, Iranduba, Eirunepé e Anori. No Estado, a sigla será dirigida pelo governador Omar Aziz. Em Manaus, o comando do diretório municipal será dirigido pela esposa dele, a primeira-dama Nejmi Aziz.

De acordo com Paulo Radin, nenhum presidente de diretório municipal do PSD ocupa cargo política. “Foi uma estratégia do partido para evitar conflitos políticos”, explicou o secretário-geral. Por enquanto, o partido não planeja abrir novos diretórios municipais, informou Radin. “A criação de novos dependerá de articulações políticas, que serão definidas pelo governador Omar”, disse.

Após o julgamento do TSE, o advogado do Democratas (DEM), Maurício Medeiros, anunciou que o partido vai recorrer ao Supremo Tribunal de Federal (STF) para tentar derrubar a decisão que concedeu o registro do PSD.

Paulo Radin disse ontem que a direção nacional do PSD não teme recursos contrários ao partido.

“Da forma como foi deferido o registro, tratando-se apenas de matéria administrativa, não há risco de retrocesso. A única irregularidade que houve nesse processo foi a demora para conseguir o registro. A maior prova que o partido teve foi o apoio da sociedade. Foi uma grande mobilização social que mostrou que quer ver o novo”, disse o secretário-geral.
    
Omar vai em busca de filiados   
O governador Omar Aziz disse ontem que nesse final de semana vai trabalhar pelo PSD. Fará contatos com parlamentares e prefeitos convidando-os a ingressar na legenda.

“Vou cuidar das filiações”, disse o governador, ontem, no final da tarde, após encerrar os compromissos em torno da visita da presidente Dilma Rousseff. Omar é o vice-presidente nacional do partido e um dos primeiros aliados do prefeito Gilberto Kassab na articulação nacional da sigla. No Amazonas, o PSD deve receber uma enxurrada de afiliações.
          
Bancada na Câmara será terceira maior
BRASÍLIA (AE) - Apoiado informalmente pelo Palácio do Planalto, o PSD nasce como a terceira maior força da Câmara, atrás do PT e do PMDB.

O novo partido, que obteve nesta quarta-feira (28) o seu registro pela Justiça Eleitoral, terá uma bancada de, no mínimo, 48 deputados federais e dois senadores. Um documento sigiloso, nas mãos do prefeito Gilberto Kassab, aponta ainda o interesse de mais 16 parlamentares que estariam dispostos a ingressar no PSD.

“Vamos ter entre 55 e 60 deputados”, afirmou ontem Guilherme Campos (SP), ex-DEM, que foi escolhido para liderar a bancada na Câmara. “Mas ainda não temos o tamanho definido da bancada: estimativa é uma coisa, o número definitivo é outra”, observou.
Com o registro, os dirigentes do PSD esperam uma corrida de filiações nos próximos 30 dias.
    
O que significa o número da sigla
O número 55 é carregado de significados, de acordo com a numerologia.  Representa “aquele que dá a partida em direção ao futuro”. Mas também convive com os altos e baixos e faz do recomeço uma condição.

Na política, o antigo Partido Social Democrático foi fundado em 1945, sob as mãos de Getúlio Vargas. Sobreviveu até o AI-2 que  acabou com os antigos partidos e criou o MDB e a Arena.