Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Polícia procura homem suspeito de matar a facadas vigilante na Zona Centro-Sul

O universitário e vigilante Marcos Rogério faleceu na madrugada desta quarta (19), ele estava há dois dias internado após ter sido esfaqueado diversas vezes no peito 

O universitário e vigilante Marcos Rogério da Costa Gonçalves, 31, faleceu na madrugada desta quarta (19) no Hospital e Pronto Socorro 28 de Agosto, em Manaus. Ele estava há dois dias internado após ter sido esfaqueado diversas vezes no peito na última segunda-feira (17). O suspeito do crime já foi identificado por familiares e pela polícia: Rogério Williams, que está foragido.

O crime aconteceu na rua Belo Horizonte, bairro Aleixo, na Zona Centro-Sul, por volta da 1h da madrugada, endereço onde a vítima e o assassino residiam.

Segundo vizinhos, Marcos chegava em casa e tinha estacionado o veículo, quando Rogério Williams, possivelmente embriagado, correu atrás dele e o furou no peito com uma faca por diversas vezes. Câmeras de segurança registraram tudo.

Nas imagens, cedidas por familiares ao Portal A Crítica, é possível ver um homem correndo e outro seguindo atrás. Em certo momento, o infrator alcança a vítima e a golpeia com um objeto. Pessoas que estavam próximas se desesperam e tentam prestar socorro.

A foto abaixo é de Rogério Williams, suspeito de ter esfaqueado o vigilante.

O caso já está sendo investigado por policiais do 16º Distrito Integrado de Polícia (DIP).

Nas redes sociais, amigos de Marcos promovem uma campanha para tentar localizar Rogério Williams, foragido da polícia. Segundo a irmã da vítima, Dirlene Alves, 42, o motivo do crime teria ocorrido há um ano.

“Meu irmão tinha contado para o então sogro do Rogério que o Rogério tinha agredido a própria namorada. Isso teria sido o motivo”, afirmou.

Moradores da rua Belo Horizonte afirmaram que Rogério Williams é paraense e está foragido da Justiça do Pará. Segundo eles, Williams também é envolvido com tráfico de drogas.

“O Rogério ameaçava o meu irmão o tempo todo, dizia que ia dar porrada. Agora ele (Rogério) também está ameaçando a ex-namorada e a família dela”, contou Dirlene.

A Polícia Civil confirmou que um inquérito já foi aberto no 16º DIP e que o delegado Glauber Lopes já está promovendo diligências para localizar Rogério Williams. O delegado não confirmou se o assassino já tem passagem na polícia ou se é foragido da Justiça do Pará. Quem tiver informações sobre Rogério Williams pode ligar para o Disque-181.