Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Ponte metálica deve liberar passagem de veículos nesta quinta-feira (6), afirma PRF

Construção iniciou na madrugada desta quarta-feira (5) com a chegada dos materiais. Polícia Rodoviária informou que veículos até 25 toneladas poderão realizar travessia

Veículos poderão trafegar em uma faixa a partir da manhã desta quinta-feira (6)

Veículos poderão trafegar em uma faixa a partir da manhã desta quinta-feira (6) (Reprodução/Trânsito Manaus)

Uma ponte metálica está sendo construída desde a madrugada desta quarta-feira (5) no trecho atingido por um deslizamento de terras, no quilômetro 57 da rodovia BR-174 (estrada que liga Manaus à Boa Vista). A Polícia Rodoviária Federal (PRF) informou que a obra deve ser finalizada somente na manhã desta quinta-feira (6), iniciando em seguida a passagem de veículos em uma faixa.

Com a chegada da estrutura de metal, soldados do Exército iniciaram imediatamente os trabalhos e solicitaram 24h para a liberação de uma parte da rodovia. Segundo a PRF, mais de 100 soldados participam do processo. Na primeira parte, as peças deverão ser encaixadas, instalando em seguida ‘ripões’ de madeira e uma rampa que dará acesso à ponte.

Segundo o agente da PRF, Luciano Campos, somente pedestres estão fazendo o trajeto de travessia. “Enquanto a obra estiver em andamento nenhum veículo poderá passar por questões de segurança. Quando a ponte for terminada, veículos até 25 toneladas poderão trafegar, porém um de cada vez”, explicou.

Conforme informações de Campos, o congestionamento de caminhões de cargas e veículos de passeio no sentido Presidente Figueiredo/Manaus já chega a três quilômetros.

Relembre o caso

O trecho localizado no quilômetro 57 da BR-174 cedeu após forte chuva do último domingo, obrigando a interdição da rodovia pela Polícia Rodoviária Federal (PRF). Na ocasião, carros e ônibus ficaram parados dos dois lados da via após serem proibidos de passar pelo risco de desabamento.

De acordo com a polícia, o trecho da rodovia já apresentava rachaduras desde a semana passada e cedeu após a chuva que cai desde sábado (1). Os policiais rodoviários orientaram os motoristas a retornarem para Manaus ou ao município de Presidente Figueiredo até que o caso fosse solucionado.

Motoristas de caminhões que transportavam produtos como iogurte, combustível e cerveja e foliões que participaram do Carnachoeira, no último fim de semana, tiveram que se abrigar em Presidente Figueiredo e em comunidades próximas por conta do bloqueio.