Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Em Manaus, Prefeitura realiza ações de combate às doenças da vazante do Rio Negro

Casos de doenças de pele, malária e ataques de animais peçonhentos costumam aumentar neste período, segundo a Semsa 

Áreas alagadas preocupa Semsa, que deve intensificar ações nestes locais

Áreas alagadas preocupa Semsa, que deve intensificar ações nestes locais (Divulgação)

A Prefeitura de Manaus, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), irá reforçar ações preventivas durante o período de vazante do Rio Negro. Casos de hepatite A e E, leptospirose, febre tifoide, verminoses, gastrenterites, dermatites (doenças de pele), conjuntivites e doenças diarreicas, além de ataques de animais peçonhentos (serpentes, aranhas e escorpião) e malária costumam aumentar nessa época, segundo o órgão.

O secretário municipal de Saúde, Homero de Miranda Leão Neto, destaca ainda que este trabalho de vigilância em saúde tem sido fortalecido. “A vigilância e o alerta dos profissionais de saúde são reforçados durante o período de vazante para que se identifique o mais rápido possível qualquer tipo alteração do perfil epidemiológico da população. A partir daí, é possível tomar as medidas necessárias para proteger a saúde das pessoas”, explica Homero.

O sanitarista e assessor da Subsecretaria de Gestão da Saúde da Semsa, Romeo Rodrigues Fialho, disse que além do trabalho de vigilância, as equipes da Estratégia Saúde da Família (ESF) realizam ações de educação sobre os cuidados necessários, como o consumo de água tratada e a destinação adequada do lixo. Os profissionais estão realizando ainda distribuição de hipoclorito de sódio para a purificação caseira da água e consumo humano, além do soro para hidratação oral.

De acordo com Romeo Fialho, as áreas que causam maior preocupação são aquelas localizadas ao longo dos igarapés do Quarenta, São Raimundo e Educados, compreendendo bairros como Presidente Vargas, São Geraldo, Nossa Senhora Aparecida, Educandos, Betânia, Raiz, São Raimundo, Glória, São Jorge e Santo Antônio.