Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Dupla armada sequestra e tortura promotor de vendas durante cinco horas no Tarumã, em Manaus

Vítima foi surpreendida por um homem e um adolescente no momento que chegava em casa. A dupla vendou o rosto do promotor de vendas e o levou para uma casa. Ameaças de morte e tortura foram sofridas pela vítima

foto legenda

Caso foi registrado no 19º DIP (Antônio Menezes)

O autônomo Igor Maciano Guedes, 19, e um adolescente de 16 anos foram detidos por serem suspeitos de sequestrarem e manterem em cárcere privado um promotor de vendas de 30 anos, em Manaus, na segunda-feira (11), em numa casa situada na rua Souza Brasil, bairro Tarumã, Zona Oeste da cidade. Durante cinco horas, a vítima foi mantida em cárcere.

À polícia, o promotor de vendas contou que estava chegando em casa, também no bairro Tarumã, quando os criminosos o abordaram. Por volta de 13h, os assaltantes se aproximaram em um carro, de modelo e placas não identificadas, e vendaram o homem com um pano de cor escura.

A vítima foi levada para uma residência na rua Souza Brasil, onde foi torturada por horas. Na casa, o promotor de vendas afirmou ter sido espancado e ameaçado por causa de drogas. Ele disse ainda que a dupla fazia ameaças contra ele e o agredia. Os dois suspeitos, segundo a vítima, o acusavam de ter furtado drogas de uma terceira pessoa não identificada.

Por volta de 18h, a 20ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom) recebeu uma denúncia anônima da ocorrência e conseguiu flagrar Igor e o adolescente dentro da casa onde a vítima estava. A dupla estava armada com um revólver calibre 38, de numeração raspada. Eles não resistiram à voz de prisão e foram levados ao 19º Distrito Integrado de Polícia (DIP), na Zona Oeste, onde a ocorrência foi registrada.

Na delegacia, Igor negou ter participado do crime e contou que estava no bairro apenas visitando uns amigos que moravam nas proximidades. Segundo o autônomo, a culpa pelos crimes é do jovem que também foi detido. À polícia, o adolescente contou que estava em outro local quando o homem estava sendo espancado. As duas versões serão investigadas.

A dupla foi autuada pelos crimes de cárcere privado, sequestro e porte ilegal de arma de fogo de uso permitido. No site do Tribunal de Justiça do Amazonas, consta que Igor já respondia a processo por tráfico de drogas, de quando foi preso em janeiro deste ano. Igor foi levado à Cadeia Pública Desembargador Raimundo Vidal Pessoa. O adolescente foi levado à Delegacia Especializada em Apuração de Atos Infracionais (Deaai).