Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Quadrilha suspeita de tráfico de drogas é desarticulada no Petrópolis, Zona Sul

Ainda segundo a polícia, dois dos suspeitos são investigados por terem participado da morte do usuário de drogas Átila Felizardo Martins, 19, ocorrida mês passado


Eles foram presos com várias porções de cocaína e maconha

Eles foram presos com várias porções de cocaína e maconha (Divulgação)

Nabson Porto de Paula, 27, Michel de Souza Guimarães, 21, Alexandre Chaves Barreto, 18, Stefany Jasminy Nascimento, 20, e Tiane Caroline Rodrigues da Silva, 19, foram presos com várias porções de cocaína e maconha nesta terça-feira (2), no bairro Petrópolis, na Zona Sul de Manaus.

Ainda segundo a polícia, tanto Nabson quanto Alexandre são investigados por terem participado da morte do usuário de drogas Átila Felizardo Martins, 19, que foi encontrado enrolado em um lençol, com as mãos e pés amarrados, no igarapé do Sul América, no bairro Glória, na Zona Oeste da capital, no mês passado. Na época, o rapaz estava desaparecido havia cinco dias. 

Segundo os delegados Paulos Martins e Débora Mafra, ambos da Delegacia Especializada em Homicídio e Sequestros (DEHS), a dupla estava sendo monitorada e, nesta terça-feira, eles receberam informações de que o bando estaria em um casa, na rua São Lázaro, no bairro Petrópolis.

No local, além dos dois, outras três pessoas foram encontradas e com eles foi localizado grande quantidade de entorpecente, entre porções  grandes e trouxinhas de pasta base de cocaína e maconha, além de balança de precisão e aparelhos celulares. 

A delegada Débora Mafra explicou que Átila foi assassinado porque, além de ter perdido uma arma de um traficante do bairro da Glória, conhecido como “Pereba”, ele também estava devendo cerca de R$ 5 mil do tráfico e como não teria como arcar com a dívida acabou preso. O crime foi cometido a mando de “Pereba”, que ainda está foragido. Uma quarta pessoa também está sendo investigada pelo crime.

Nabson e Alexandre foram indiciados por homicídio, além de tráfico de drogas. Já os outros três, entre eles a ex-namorada da vítima, Stefany, foram presos por tráfico e associação pra o tráfico. Ela negou qualquer participação na morte do namorado. Todos eles já foram encaminhados à Cadeia Pública Raimundo Vidal Pessoa.