Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Reforma de 4,7 mil ruas em 22 bairros das zonas Norte e Leste de Manaus custará R$ 110 milhões

Convênio firmado entre a Prefeitura de Manaus e o Governo do Estado permitirá recuperação e revitalização de 350 quilômetros de vias. As obras já começaram e o prazo de término é 150 dias

Convênio firmado entre a Prefeitura de Manaus e o Governo do Estado permitirá recuperação e revitalização de 350 quilômetros de vias

Convênio firmado entre a Prefeitura de Manaus e o Governo do Estado permitirá recuperação e revitalização de 350 quilômetros de vias (J. Renato Queiroz)

Um pacote de obras para melhorar a infraestrutura viária de 22 bairros das zonas Norte e Leste de Manaus foi lançado na manhã desta segunda-feira (19) pelo prefeito de Manaus, Arthur Neto, e pelo governador do Amazonas, José Melo. O convênio, intitulado “Todos Juntos por Manaus”, é composto por R$ 100 milhões dos cofres do Governo do Amazonas e R$ 10 milhões de contrapartida da prefeitura.

Ao todo, serão revitalizados cerca de 350 quilômetros de vias. Deste total, 57 quilômetros equivalem aos principais corredores de ônibus das duas regiões da cidade. A execução das obras é de responsabilidade da Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seminf) e o prazo para a conclusão é de 150 dias. Ao final das obras, serão cerca de 4,7 mil ruas revitalizadas, conforme a Prefeitura de Manaus.

Entre os bairros e comunidades beneficiadas pela parceria estão: América do Sul, Campos Sales, Celebridade, Colônia Santo Antônio, Grande Vitória, Jesus me Deu, João Paulo, Monte das Oliveiras, Nova Cidade, Novo Israel, Nova Vitória, Parque Solimões, Pontal Cachoeira, Riachuelo, Rio Piorini, Santa Etelvina, Santa Marta, São Luiz, São Pedro e Zumbi dos Palmares.


Os problemas de infraestrutura dessas localidades foram mapeados por equipes técnicas dos distritos de obras, começando pelos bairros que apresentavam os problemas mais graves nas malhas viárias. Além do asfaltamento, corredores do transporte coletivo ganharão nova iluminação pública de vapor metálico (luz branca).

“Essa parceria nos ajuda a fazer muito mais pela cidade. Sem esses recursos não realizaríamos uma ação de tamanha magnitude. A (avenida) Itaúba foi feita por mim no meu primeiro mandato e a escolha pelas zonas Leste e Norte é um ato simbólico, pois são áreas populosas e que há muito tempo estavam esquecidas. O Jorge Teixeira começa a mudar hoje e esse é o futuro que queremos para toda a cidade", assinalou Arthur Neto.

Ainda segundo o prefeito, o município tem R$ 300 milhões em caixa, que também serão investidos em infraestrutura. "No ano passado, fizemos cinco lotes em requalificação de vias, completando 110 quilômetros de recapeamento. Para 2014, continuaremos avançando e espero iniciar, pelo menos, mais cinco lotes em todas as áreas de Manaus”, completou.

‘Padrão Copa’

Logo após o lançamento do convênio, os trabalhos já começaram nas ruas Andiroba, Jucá, Mastruz, Copaíba, Alfazema e Crajirú, localizadas no bairro Jorge Teixeira, na Zona Leste. O secretário municipal de Infraestrutura (Seminf), Luiz Borges, explicou que as obras seguirão os padrões estabelecidos no Quadrilátero da Copa.

"Vamos fazer desde o reforço da base asfáltica para dar maior durabilidade aos serviços até os trabalhos de embelezamento urbano, que envolvem drenagem profunda, recuperação de sarjeta e meio-fio. Assim como no Quadrilátero da Copa, também executaremos a fresagem e o recapeamento das vias com o Concreto Betuminoso Usinado à Quente (CBUQ), além de dar continuidade à ação de tapa-buracos”, explicou Borges.

Serão utilizadas na execução dos serviços 400 caçambas e 400 máquinas pesadas. Entre elas, retroescavadeira, pá mecânica e rolo compressor. Um total de 600 homens estará nas ruas executando os trabalhos e, de acordo com o planejamento inicial, estima-se que sejam utilizados mil toneladas de massa asfáltica por dia em cada bairro. As equipes de obras irão trabalhar com uniformes padronizados na cor vermelha, diferenciando-se assim dos uniformes azuis usados nos serviços rotineiros da Seminf.

*Com informações da assessoria de imprensa