Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Veículo colide com ônibus na estrada da UFAM

Motorista do carro teria tentado uma ultrapassagem em alta velocidade em uma curva quando colidiu com um ônibus no Campus da Ufam. Airbag do carro salvou vida de motorista. Nenhum passageiro do ônibus teve ferimentos

No acidente, parte dianteira do automóvel ficou totalmente destruída

No acidente, parte dianteira do automóvel ficou totalmente destruída (Márcio Silva)

Um ônibus da linha 616 da empresa Transtol colidiu com um veículo na tarde desta quarta-feira (4), na avenida Octavio Hamilton, estrada que dá acesso ao Instituto de Ciências Humanas e Letras (ICHL), na Universidade Federal do Amazonas (UFAM), Zona Sul de Manaus. No veículo havia apenas um homem, identificado como Sérgio Luís de Souza, 53, o qual sofreu ferimentos leves, evitados pelo airbag do carro que amorteceu o impacto da batida. Nenhum passageiro do coletivo ficou ferido.

O veículo, modelo Nissan Livina, cor preta, placa NPB-8627, teve a parte dianteira totalmente destruída. Segundo agentes da supervisora de segurança do campus, o condutor ia buscar a filha em um setor. “Ele tentou ultrapassar o veículo da frente em alta velocidade em uma curva. A salvação dele foi o airbag que amorteceu o impacto”, disse José Mathias, segurança da Global Service. Nesse momento, o ônibus teria tentado impedir o acidente desviando do automóvel, porém, evitou a manobra pelo risco de passar a sarjeta e cair no barranco.

O motorista do ônibus, identificado como Paulo Augusto dos Santos, prestou socorro ao homem, que foi levado ao Hospital e Pronto Socorro João Lúcio por uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). De acordo com a assessoria do hospital, Sérgio sofreu apenas um corte na cabeça e está consciente. Ele ficará em observação durante 24 horas e deve ser liberado nesta quinta-feira (5).

Policiais da 11ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom) chegaram em seguida para dar início a uma perícia preliminar. Por compreender uma área federal, um relatório feito pelo Departamento de Segurança será enviado à Procuradoria Jurídica da Ufam para decidir possíveis penalidades ao motorista do veículo e do coletivo.

Velocidade

Apesar de serem poucos os casos de acidentes graves nas ruas da universidade, Ibernon reconhece que muitas pessoas abusam do pouco fluxo de veículos para pisarem mais fundo no acelerador.

“O campus existe há mais de 30 anos e o histórico de casos é bem pequeno. Entre eles está a situação da professora que dormiu ao volante e saiu da estrada, fora isso são sempre casos de panes mecânicas cotidianas”, afirmou o diretor.

Para conter futuros desastres, o diretor revelou que haverá uma reação interna da administração a fim de implantar nas vias da Ufam, principalmente as que têm cursos retilíneos, redutores de velocidade para coibir o excesso dos motoristas.