Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Vereador de Anori (AM) cobra respostas do MPE sobre denúncias contra prefeita da cidade

Supostas irregularidades na gestão da prefeita de Anori, Sansuray Xavier, chegaram ao MPE e TCE  em março deste ano

Vereador Antônio Marques Neto, à direita, assinou representação apontando nepotismo na prefeitura de Anori

Vereador Antônio Marques Neto, à direita, assinou representação apontando nepotismo na prefeitura de Anori (Michel Dantas)

A um ano do início da campanha eleitoral de 2012, começa a elevar a temperatura  política em Anori (a 195 Km de Manaus). Na última quarta-feira, o   vereador Antônio Martins  Marques Neto (DEM) procurou A CRÍTICA para cobrar respostas do Ministério Público Estadual (MPE) sobre supostas  irregularidades na administração da prefeita de Anori (a 194,44), Sansuray Pereira Xavier (PSDB) denunciadas por ele no início deste ano.

O parlamentar acusou Sansuray Xavier de nepotismo (empregar parentes na administração pública), fraudes  em licitações e supostas irregularidades que beneficiam  parentes e amigos da prefeita. “Eu  protocolei no mês de março, no Ministério Público  Estadual (MPE) e no Tribunal de Contas do Estado do Amazonas  (TCE), minhas denúncias. Agora, estou esperando respostas e  as providências das autoridades”, afirmou o vereador de Anori.

Três meses após as denúncias, Antônio reconhece que o único aspecto que melhorou em Anori foi a merenda escolar  nas escolas da área urbana.  Mas reitera que há empresas fantasmas no município, superfaturamento no preço dos medicamentos, serviços  de limpeza pública insuficientes, falta de segurança, carência no transporte escolar da cidade, irregularidades nas embarcações que levam  os estudantes às escolas, contratações  ilícitas, censuras em programas de rádio, entre outros atos  ilegais.

A lista de supostas irregularidades praticadas pela gestão de Sansuray, segundo Antônio Neto, inclui a falta de reformas e adequações nas escolas públicas do município, lixos em bairros e estrada, fraude na compra de ônibus escolares, veículos e equipamentos da polícia sucateados (manter a polícia é competência do Governo Estadual).

A falta de atenção à população da área rural, transparência em seleção simplificada para cargos da prefeitura, festas com custos muito altos, irregularidades nos alugueis de imóveis e veículos, aumentam a relação  de denúncias do vereador do partido  Democratas.

A prefeita Sansuray afirmou, por telefone,  que está a disposição das autoridades para esclarecer qualquer denúncia sobre sua gestão. Dentre os benefícios promovidos por sua administração destacou a melhoria da sinalização das ruas, a inclusão no programa  Luz para todos,  convênio com a Petrobras, melhoria dos serviços médicos e odontológicos do município.