Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

‘Foi emocionante o momento em que ele acordou’, diz pai de garoto que caiu em shopping de Manaus

Após receber alta da UTI de hospital nesta quinta (24), familiares falaram sobre recuperação do menino P. T. N., de apenas 5 anos. Ele despencou do 3º piso de um shopping de Manaus, com cerca de 15 metros de altura, no último dia 14

A criança caiu do terceiro andar, mas foi prontamente socorrida

A criança está na enfermaria cirúrgica do hospital, onde continuará sendo acompanhada (Divulgação)

O menino P. N. T., de 5 anos, que no último dia 14 foi internado no Pronto-Socorro da Criança da Zona Leste (Joãozinho), em Manaus, após sofrer grave queda, de uma altura de 15 metros, num shopping da cidade, teve alta da Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) do hospital. A criança foi transferida para a enfermaria cirúrgica, onde continuará sendo acompanhada, inclusive, para tratamento das fraturas nos braços.

A transferência da criança, da UTI para a enfermaria, ocorreu no final da manhã desta quinta-feira (24), foi acompanhada pelos pais, que estavam muito emocionados. De acordo com o pai do menino, Ricardo Trevisan, o pior momento já passou e agora cada etapa vencida é uma conquista. “Foi muito emocionante o momento em que ele acordou. No início ele ficou assustado, porque estávamos com as máscaras da UTI, mas quando tiramos e ele nos reconheceu foi uma grande vitória”, disse o pai.

A família, que é de São Paulo, ainda não sabe se retornará para a cidade, após a alta hospitalar. Segundo Trevisan, vai depender da orientação do ortopedista. “Fomos muito bem atendidos aqui no hospital, todo o apoio, atenção e cuidados que meu filho teve, não sei se teria em outro lugar. Comentei isso com meu cunhado essa semana. Não sei se fosse em São Paulo se meu filho sairia dessa vivo”, comemorou Ricardo.

Durante todo o período de internação no hospital, os familiares estão recebendo apoio psicológico da equipe da unidade. A gerente técnica do Joãozinho, médica Sônia Almeida, relatou que a criança chegou à unidade com traumatismo craniano, fratura nos membros superiores, ruptura de vísceras, com baço e fígado dilacerados, trauma torácico e hemorragia intensa.

“Os primeiros-socorros no local do acidente e o rápido atendimento foram fundamentais para a evolução favorável do quadro e a recuperação alcançada até o momento”, esclareceu a médica Sônia. A criança ficou mantida sedada e sob forte analgesia, para que pudesse se recuperar do trauma. “O organismo dele sofreu um grande choque e a dor gera em nós um desgaste de energia que não poderia ser desperdiçada nesse momento”, destacou a médica.

O cirurgião Júlio Cezar Queiroz, também integrante da equipe de atendimento à criança, atribui a rápida recuperação do menino ao atendimento e estrutura do hospital. “Contribuiu para a rápida recuperação dele o trabalho multidisciplinar realizado, a equipe de profissionais e a estrutura que temos aqui no Joãzinho”, destacou o médico.

Agora, em acompanhamento na enfermaria, o menino contará com o atendimento da equipe pediátrica, cirúrgica, ortopédica e de fisioterapeutas. “Vamos acompanhar a evolução do paciente para uma possível alta. É preciso que ele passe a se alimentar bem e tenha total recuperação da contusão torácica para não necessitar do cateter nasal para respiração. Até o presente momento, acreditamos que ele não terá nenhuma sequela neurológica, inclusive ele já foi liberado pelo neurologista”, informou Júlio Cezar.

*Com informações da assessoria de imprensa