Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Obras coordenadas pela Seminf em ciclovia segue em ritmo lento

Dos 40 quilômetros de ciclovia prometidos pela prefeitura até o fim deste ano, somente 14,6 devem ficar prontos em 2014. A promessa era que fossem construídos 20 quilômetros por ano até o fim da gestão do prefeito Artur Neto

As obras da ciclovia Boulevard-Ponta Negra estão concentradas no primeiro trecho, onde o calçadão está sendo adaptado

As obras da ciclovia Boulevard-Ponta Negra estão concentradas no primeiro trecho, onde o calçadão está sendo adaptado (Lucas Silva)

Até o final do ano, somente 14,6 quilômetros de ciclovia serão construídos pela Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seminf). A promessa era que fossem construídos 20 quilômetros por ano até o fim da gestão do prefeito Artur Neto, contabilizando um total de 80 quilômetros de ciclovias até o fim da gestão e 40 deles até o fim deste ano, porém, em 2013, nenhuma obra foi colocada em prática.

Por enquanto, os amantes do ciclismo vão poder contar com apenas 2,5 quilômetros, que estão sendo construídos no encontro das avenidas Duque de Caxias e Álvaro Botelho Maia, na Zona Sul, que tem previsão para ser entregue até maio.

O restante da ciclovia deve ser entregue até o final do ano e irá abranger vias como as avenidas Brasil e Coronel Teixeira até chegar à Marina do Davi, na Ponta Negra, Zona Oeste.

Atualmente a obra está concentrada no sentido bairro/Centro, começando nas avenidas Duque de Caxias e Álvaro Botelho Maia, até próximo ao cruzamento com a Major Gabriel.

O calçadão está sendo quebrado para dar espaço à faixa onde funcionará a ciclovia.

O espaço para bicicletas será separado do fluxo de carros em canteiros centrais e calçadas. Haverá trechos em que o uso por ciclista e pedestres será compartilhado e outros que serão exclusivos para bicicleta. De acordo com a Seminf, apesar das chuvas, as obras da ciclovia estão seguindo o cronograma da secretaria.

Projeto

O projeto da ciclovia Boulevard-Ponta Negra, foi incluído num lote de obras de infraestrutura coordenados pela Seminf, no valor aproximado de R$ 20 milhões. O valor será aplicado em recapeamento de vias, requalificação de calçadas, na ciclovia, além de projeto de mobilidade urbana, urbanismo e sinalização vertical e horizontal - com placas de identificação em português e inglês, para melhor orientação dos turistas.

Apesar de contemplar os ciclistas, a construção das ciclofaixas da avenida Boulevard está sendo vista com bons olhos também pelos pedestres, pois segundo eles o local é muito usado pelos amantes das bicicletas, mas o risco de acidentes é grande, principalmente durante os horários de maior movimento da avenida. Para a professora Neida Ribeiro, 55, a construção de ciclovias mostra que a cidade está avançando em alternativas para melhorar o trânsito e a qualidade de vida da população.