Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Dois suspeitos são presos com 1,5 kg de pasta base de cocaína em Itacoatiara, a 176 km de Manaus

A equipe de investigação da Delegacia de Itacoatiara investigava o local onde o casal foi preso há cerca de dois meses


Os suspeitos foram presos nesta terça-feira (2) com 1,5 kg de pasta base de cocaína em pedra, na casa onde moravam

Os suspeitos foram presos nesta terça-feira (2) com 1,5 kg de pasta base de cocaína em pedra, na casa onde moravam (Divulgação)

O desempregado José Igo de Souza Viana, 34, e a autônoma Elizângela Rabelo Moreira, 37, foram presos nesta terça-feira (2) com 1,5 kg de pasta base de cocaína em pedra, na casa onde moravam no beco Aquilino Barros, bairro Araújo Costa, em Itacoatiara, a 176 km de Manaus.

A prisão aconteceu em cumprimento a um mandado de busca e apreensão expedido na Primeira Vara Cível e Criminal da comarca da cidade. A equipe de investigação da Delegacia de Itacoatiara investigava o local onde o casal foi preso há cerca de dois meses após a Polícia Civil da cidade receber várias denúncias de tráfico de drogas.

O mandado de busca e apreensão foi expedido, há mais de um ano, pela juíza de Direito Ana Lorena Teixeira Gazzineo, mas nenhum material entorpecente havia sido encontrado, conforme informou o delegado titular do município Lázaro Sebastião Neto.

O casal apresentou certa resistência no momento da prisão e jogaram 500g de droga, dinheiro e uma balança de precisão em uma fossa. O material foi resgatado pelos policiais que deram voz de prisão à dupla e apreenderam os objetos.

Os dois foram conduzidos à delegacia e, em nova visita à casa com equipamentos apropriados de auxílio à droga, a polícia encontrou mais 1kg do mesmo entorpecente.

A polícia também apreendeu com os dois uma motocicleta modelo Broz 150, cinco aparelhos celulares e a quantia de R$ 1.249 em dinheiro. O casal deve ficar detido na Delegacia de Itacoatiara à disposição da Justiça.