Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Suposto tailandês é acusado de roubo e de atirar contra seis pessoas em Manaus

Os investigadores do 3º DIP disseram que o suspeito nega o crime. Além disso, ele teria afirmado ser tailandês, mas não apresentou nenhum documento que comprovasse a sua identidade, o que aumento a possibilidade de “Miglalia” estar mentindo

Miglalia Shain Sail autuado por roubo e porte de arma, segundo a Polícia Civil

Miglalia Shain Sail autuado por roubo e porte de arma, segundo a Polícia Civil (Acervo AC)

O suposto tailandês identificado como ‘Miglalia Shain Sail’ foi preso por policiais das Rondas Ostensivas Cândido Mariano (Rocam) acusado de ter roubado uma mulher e ter atirado contra um carro com seis pessoas dentro, na manhã de domingo (15). A confusão aconteceu na manhã deste domingo (15), próximo ao Corpo de Bombeiros, na avenida Codajás, em Petrópolis, na Zona Sul.

O eletricista Diney de Menezes da Silva, 31, e a esposa dele, a dona de casa Joana Silva, 41, informaram que estava em um carro Celta quando observaram que o suspeito estava roubando uma mulher. “Eu buzinei para chamar a atenção da polícia, e quando nós passamos por ele, ele sacou uma arma caseira e atirou no nosso vidro traseiro”, disse. Segundo a dona de casa, seis pessoas estavam dentro do carro, incluindo o filho dela de apenas cinco anos e a mãe, de 79 anos. Quatro dos passageiros ficaram feridos com os estilhaços do vidro e foram socorridos pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) e levado para o hospital e pronto-socorro 28 de Agosto, em Adrianópolis.

“A nossa sorte foi que nos abaixamos, se não, os ferimentos poderiam ter sido mais graves. O meu filho está com os bracinhos enfaixados e a minha mãe talvez passe por um cirúgia para retirar vestígios de vidros que ficaram dentro do olho dela. Mas ela está bem, graças a Deus”, afirmou Joana.

Mesmo feridos, a mulher contou que conseguiram chamar a polícia e os militares da Rocam localizaram o suspeito e a arma que ele utilizou. O caso foi registrado no 3º Distrito Integrado de Polícia (DIP).

O homem foi levado para o Instituto Médico Legal (IML), na Zona Norte, para realizar um exame identificação criminal. Depois disso, ele será autuado por roubo e porte de arma, segundo a Polícia Civil.