Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Polo Industrial de Manaus alcança novo recorde de empregos

Os dados fazem parte dos Indicadores de Desempenho do PIM, os quais são apurados mensalmente pela Superintendência da Zona Franca de Manaus (SUFRAMA) junto às empresas incentivadas do parque industrial da capital amazonense

O responsável para o desempenho positivo do PIM no ano de 2013 foi o segmento de eletroeletrônico

O responsável para o desempenho positivo do PIM no ano de 2013 foi o segmento de eletroeletrônico (Reprodução)

Após fechar outubro com índice histórico de mão de obra direta (127.800 trabalhadores), o Polo Industrial de Manaus (PIM) deu sequência aos bons resultados e encerrou novembro de 2013 com novo recorde de empregos: 129.663 trabalhadores, entre efetivos, temporários e terceirizados. O faturamento acumulado do PIM no período de janeiro a novembro do ano passado também avançou, totalizando R$ 76,6 bilhões (US$ 35.7 bilhões) e registrando crescimento de 12,40% (2,04% na moeda americana) em relação ao mesmo período de 2012.

“Os números de novembro reforçam as previsões que fizemos de encerrar o ano com excelentes resultados, principalmente com relação à mão de obra, uma vez que estamos presenciando níveis recordes de geração de empregos. A expectativa é de continuar evoluindo neste sentido”, disse o superintendente da SUFRAMA, Thomaz Nogueira. “Vamos agora aguardar os números de dezembro, mas devemos facilmente superar em 2013 a marca de R$ 80 bilhões de faturamento, o que será um resultado histórico para a Zona Franca de Manaus e ditará positivamente o ritmo de trabalho e as metas para este novo ano que se inicia”, complementou.

O principal responsável para o desempenho positivo do PIM no ano foi o segmento Eletroeletrônico (inclusive Bens de Informática), que, no intervalo de janeiro a novembro, apresentou faturamento de R$ 38,38 bilhões (US$ 17.83 bilhões) e mão de obra média de 52.482 trabalhadores, respondendo, sozinho, por metade do faturamento global e 40% dos empregos gerados pelo Polo no período.

Outros setores que se destacaram até novembro de 2013 foram Termoplástico, com faturamento de R$ 3,64 bilhões (US$ 1.7 bilhão) e crescimento de 15,99% (5,12% na moeda americana), e Mecânico, com faturamento de R$ 3,58 bilhões (US$ 1.67 bilhão) e avanço de 26,26% (15,46% na moeda americana).

Produção

Embora televisores com tela de cristal líquido (LCD), motocicletas e telefones celulares - os três produtos mais representativos do PIM - tenham fechado o período de janeiro a novembro de 2013 com decréscimos de produção na comparação com o mesmo intervalo de 2012, outros produtos apresentaram grande crescimento, com destaque para tablets, videogames, condicionadores de ar e microcomputadores.

Entre janeiro e novembro do ano passado, o PIM produziu mais de 2,2 milhões de unidades de tablets, o que representa 11 vezes mais que a produção de todo o ano passado (197.616 unidades). Já os telejogos (videogames) também tiveram resultados expressivos, com produção de mais de 1,2 milhão de unidades e crescimento de 91,82% na comparação com janeiro a novembro de 2012 (651.242 unidades).

O segmento de condicionadores de ar continuou em trajetória ascendente, registrando mais de 3,1 milhões de unidades de condicionadores do tipo split system e 625 mil unidades de condicionadores do tipo janela fabricadas até novembro. Os dois produtos obtiveram crescimentos, respectivamente, de 99,20% e 48,97% na comparação com o mesmo intervalo de 2012.

No caso dos microcomputadores, tanto de mesa (desktops) quanto portáteis, os resultados também são positivos. Com produção de aproximadamente 332 mil unidades, os desktops registraram até novembro de 2013 crescimento de 22,96% em relação ao acumulado do mesmo período de 2012. Já os microcomputadores portáteis, com fabricação de mais de 1,3 milhão de unidades, apresentaram avanço de 49,41%.