Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Amazonas vai ganhar dois centro públicos para reabilitação de dependentes químicos neste ano

Governo do Estado inaugurou nesta sexta-feira (28) o Centro de Reabilitação em Dependência Química Ismael Abdel Aziz, o primeiro da rede pública estadual de saúde. A Prefeitura de Manaus deve inaugurar outro centro de atenção antidrogas em setembro

Inauguração do novo centro reabilitação para dependentes químicos

Inauguração do novo centro reabilitação para dependentes químicos (Alex Pazuello/ Agecom)

O Amazonas terá dois centros de reabilitação para dependentes químicos públicos e gratuitos este ano. ,Após o governador Omar Aziz inaugurar, na manhã desta sexta-feira (28), o Centro de Reabilitação em Dependência Química Ismael Abdel Aziz, o prefeito de Manaus, Artur Neto, aproveitou a oportunidade para dizer que Manaus ganhará o Centro de Atenção Antidrogas do Município no mês de setembro.

O Centro de Reabilitação em Dependência Química Ismael Abdel Aziz será o primeiro da rede pública estadual de saúde do Amazonas com capacidade para atender 120 pacientes. O governador classificou a obra como uma das mais importantes da sua gestão. “De todas as obras que eu pude inaugurar nesses quatro anos, nenhuma tem a importância desta, que tem um efeito multiplicador. Agora podemos dizer às mães e aos pais que eles não estão mais sozinhos nesta luta”, frisou.

O governador ressaltou a importância da obra para a sociedade, por se tratar de um serviço de saúde com grande impacto social ao contribuir para melhorar a segurança pública que, de acordo com ele, não deve ser vista apenas por meio de ações de combate e repressão ao tráfico de drogas.

“Não basta implantar esquema de segurança para prender o traficante ou o marginal. É preciso também abrir espaço para quem quer se recuperar desse vício tão terrível, que afeta jovens, desfaz famílias e muitas vezes não tem volta”, disse o governador.

Foram quase R$ 17 milhões investidos na criação do primeiro Centro de Reabilitação da Rede Pública de Saúde do Amazonas. No Centro de Reabilitação em Dependência Química Ismael Abdel Aziz serão oferecidos serviços especializados, com atendimento multidisciplinar, no tratamento de dependentes em álcool e outras drogas. A cada três meses, um grupo de 120 pacientes receberá atendimento gratuito.

“Teremos uma média de 500 pessoas, a cada ano, que terão a oportunidade de mudar de vida. Espero que possamos recuperar o maior número de jovens para que voltem ao convívio familiar. O governo tem que assumir a responsabilidade. Essas pessoas fazem parte da nossa sociedade e temos que dar a chance para que se recuperem”, concluiu o governador.

Centro municipal

“Em breve teremos dois centros para fortalecer o enfretamento desse drama brutal que liquida famílias e aniquila a vida de milhares de pessoas. Com esse trabalho em conjunto nós poderemos planejar a ampliação desse serviço. A nossa meta é alcançar uma taxa de recuperação efetiva, porque sem tratamento adequado a chances de regressão aumentam significativamente”, destacou o prefeito.

O Centro de Atenção Psicossocial (Caps) Antidrogas do Município será ligado à Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) e realizará o atendimento laboratorial dos dependentes. O espaço também servirá como ponto de triagem para os pacientes que serão internados no centro de reabilitação do Governo do Estado.O secretário da Semsa, Evandro Melo, explicou que o Caps Antidrogas terá sua sede na região Centro-Sul, com funcionamento 24h. “O centro será a porta de entrada para essa rede de atenção às pessoas dependentes químicas, fazendo a triagem dos pacientes que precisarão de internamento. Após o período de 90 dias, pós-internação, essas pessoas continuarão sendo monitoradas pelo Caps Antidrogas até sua completa reabilitação”, explicou Melo.

*Com informações da Semcom e Agecom