Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Amazonense está entre os onze estudantes que representarão o Brasil no Fórum Global, no Catar

Pelo bom desempenho em olimpíadas do conhecimento ao longo de 2013, o estudante foi convidado a ser um dos Jovens Embaixadores no Doha Goals Forum

Cícero é medalha de ouro na etapa nacional da Olimpíada Brasileira de Robótica e obteve o 3º lugar na Olimpíada Brasileira de Algoritmos Hostnet

Cícero é medalha de ouro na etapa nacional da Olimpíada Brasileira de Robótica e obteve o 3º lugar na Olimpíada Brasileira de Algoritmos Hostnet (Divulgação )

O amazonense Cícero Miguel Vieira, 17, foi convidado a ser um dos Jovens Embaixadores Brasileiros no Doha Goals Forum, que será realizado de 09 a 11 de dezembro, no Qatar, no Oriente Médio. O evento, promovido pela monarquia do Qatar, reunirá mais de 400 jovens de 22 países com o objetivo de formar líderes para as próximas gerações e definir projetos para o desenvolvimento social e econômico dos povos através do esporte.

Cícero cursa o 2º ano do Ensino Médio Técnico em Mecatrônica na Fundação Nokia e foi escolhido para participar por seu bom desempenho em olimpíadas do conhecimento ao longo de 2013. Este ano, ele obteve medalha de ouro na etapa regional da Olimpíada Brasileira de Robótica e chegou às finais nacionais da competição, conquistando a 12ª colocação geral. Cícero também foi 3º lugar na Olimpíada Brasileira de Algoritmos Hostnet, competição nacional realizada no Rio de Janeiro, e primeiro lugar na Olimpíada Amazonense de Física.

“Venho de uma família humilde. Fiz todo o Ensino Fundamental em escolas da rede pública e agora, na Fundação Nokia, sou isento de mensalidades. No evento vou ter a oportunidade de me conectar a centenas de pessoas que, como eu, querem transformar o mundo por meio da sua atuação. Antes do Fórum estava focado em ter uma carreira na área de Exatas, mas agora penso seriamente em seguir a diplomacia”, diz Cícero.

Os jovens brasileiros participarão de plenárias, debates e forças-tarefas com líderes governamentais, empresariais e esportistas do mundo inteiro. Eles serão recebidos pelo Sheik Tamim Bin Hamad Al Thani, emir do Catar e patrocinador do evento; e se reunirão com grandes nomes do esporte mundial como Tony Hawk, Bóris Becker, Nádia Comaneci e Michael Johnson.

Estarão no encontro, também, o presidente do Comitê Paralímpico Internacional Philip Craven e William Gaillard, assessor sênior do presidente da União das Federações Europeias de Futebol (UEFA), entre outras personalidades, executivos e autoridades esportivas.  A seleção dos estudantes teve como critério o alto desempenho estudantil, envolvimento comunitário, posicionamento de liderança, interesse pelo esporte e fluência em inglês.

“O Doha Goals Forum é uma oportunidade incrível para que nossos alunos ampliem seus horizontes. De forma geral, também é uma ótima contribuição para elevar o nível educacional do Estado, pois eles voltam do Qatar com visão aberta e prontos a contribuir positivamente com sua comunidade”, afirma a diretora de Ensino e Pesquisa da Fundação Nokia, Ana Rita Arruda. "O lema de nossa escola é ‘dar asas aos que querem voar’. Para nós é uma satisfação proporcionar exatamente isso ao Cícero com sua ida ao Doha Goals Forum”, completa a diretora executiva da Fundação, Fabíola Bazi.

Jovens Embaixadores

Onze estudantes de cinco escolas de São Paulo e Manaus foram selecionados para representar o Brasil e terão o compromisso de participar das discussões internacionais, interagir com os líderes estrangeiros e trocar conhecimento com a finalidade de resolver os problemas sociais mais urgentes.

“Eles são os jovens embaixadores da delegação brasileira e nossa meta é valorizar a missão de cada um e inclui-los nessa plataforma para líderes globais, permitindo que explorem sua criatividade e intuição em busca de soluções socioeconômicas por meio do esporte”, diz Sheila Pimentel, presidente da Fundação Humanitare, organização escolhida pela Richard Attias & Associates para o treinamento, coordenação e acompanhamento do time de jovens embaixadores brasileiros. 

As instituições de ensino brasileiras convidadas para participar do projeto são a Fundação Nokia e o Colégio Marta Falcão, em Manaus, além da Escola Bosque, Colégio Guilherme Dumont Villares e Colégio Rio Branco, de São Paulo.