Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Atropelada na faixa de pedestre da Compensa

Mulher foi arremessada a quatro metros do carro, na antiga Estrada da Estanave, no bairro Compensa 2, Zona Oeste de Manaus

Solange Fernandes Rodrigues, 33 anos , atravessava na faixa de pedestres da rua Coronel Cyrilo Neves, antiga Estrada da Estanave, no bairro Compensa 2, Zona Oeste, quando foi atropelada por um Gol de características não identificadas. O acidente aconteceu por volta de meia-noite de quinta-feira (2). A vítima chegou a ser arremessada a quatro metros de distância do carro.

O verdureiro Léo Araújo, 40, conta que, por diversas vezes, presenciou acidentes com pedestres no local. “Faz duas semanas que duas meninas foram atropeladas por um caminhão que passou pela faixa em alta velocidade, uma morreu na hora”.

Araújo mora há mais de dez anos na rua e afirma que o número de acidentes aumentou  após a inauguração da Ponte Rio Negro, no dia 24 de outubro de 2011. “Depois que fizeram a ponte, a gente perdeu a segurança. Os motoristas passam por aqui em alta velocidade”. 

Enquanto esteve no local, a reportagem de A CRÍTICA flagrou outras infrações de trânsito nas proximidades da ponte, como mototaxistas trafegando pela contramão, pedestres que não atravessam na faixa e motoristas que param e até estacionam na faixa de pedestres. Foi constatado também que não há câmeras de monitoramento do Centro Integrado de Operações de Segurança (Ciops) nas proximidades.