Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

“Brasileiros devem se orgulhar do sucesso da Copa”, diz presidente do COI a dois dias da final

Presidente do Comitê Olímpico Internacional (COI), Thomas Bach, também se disse satisfeito com cronograma de obras para as Olimpíadas do RJ, em 2016

Presidente do COI, Thomas Bach, fala à imprensa após reunião com a presidenta Dilma Rousseff, no Palácio do Planalto

Presidente do COI, Thomas Bach, fala à imprensa após reunião com a presidenta Dilma Rousseff, no Palácio do Planalto (Elza Fiuza/Agência Brasil)

Após uma série de críticas feitas nos últimos meses aos atrasos nas obras para as Olimpíadas de 2016, no Rio de Janeiro, o presidente do Comitê Olímpico Internacional (COI), Thomas Bach, disse nesta sexta-feira (11), depois de audiência com a presidenta Dilma Rousseff, que está satisfeito com o andamento do cronograma. Bach elogiou também o sucesso da Copa do Mundo no Brasil.

“Pudemos constatar que os preparativos já avançaram bastante, após minha visita à presidenta [Dilma] Rousseff, poucos meses atrás, e agradecemos o nítido compromisso da presidenta com o sucesso dos Jogos, ao dizer que o sucesso deles será uma grande prioridade para seu governo a partir de segunda-feira [14]”, disse o presidente do COI.

A dois dias da final da Copa do Mundo, Bach disse que os brasileiros devem se orgulhar do sucesso do Mundial. “Quero parabenizar o Brasil pela formidável organização da Copa do Mundo. O Brasil e os brasileiros podem se orgulhar da organização que fizeram, que está sendo reconhecida em todo o mundo. Temos a absoluta certeza de que, daqui a dois anos, teremos um excelente evento olímpico no Brasil e no Rio de Janeiro”, disse.

Depois de visitar nesta quinta-feira (10) as obras no Rio de Janeiro, Thomas Bach classificou a Vila Olímpica de “fantástica”. “Ali será o coração das Olimpíadas, o coração do Brasil, nesses dias de Jogos Olímpicos. O que posso dizer é que a Vila Olímpica está mesmo fantástica, ficamos muito empolgados com essa vila, o espaço que ela oferece, a vista que proporciona, a proximidade com o Parque Olímpico. Lá, como em vários outros [lugares], pudemos constatar grandes avanços”, afirmou.

Alemão, o presidente do COI foi político ao falar sobre a final da Copa do Mundo domingo (13), entre as seleções da Alemanha e da Argentina. “Vai ser uma grande final. Todo jogo começa 0  a 0. Se eu soubesse isso [o placar], ficaria rico. A expectativa é que presenciemos uma ótima partida, e o melhor time [vença] bem", disse Bach. Para ele, a seleção alemã terá uma boa torcida no estádio domingo (13).