Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Explosão em refinaria de petróleo em Manaus deixa trabalhador gravemente ferido

O acidente ocorreu logo após o operador ligar um automóvel da empresa para fazer a troca da ronda no local. O homem teve 75 % do corpo queimado e seu estado é considerado gravíssimo


Carro que explodiu com o técnico em operações na refinaria ficou totalmente destruído.

O uniforme totalmente queimado usado pelo técnico em operações mostra a dimensão do acidente. (Reprodução/internet)

Uma explosão na Refinaria de Manaus Isaac Sabbá (Reman), localizada na margem esquerda do rio Negro, ocorrida na noite de sábado (16), deixou o técnico em operações Antonio Rafael Santana gravemente ferido. Segundo informações da Federação Única dos Petroleiros (FUP), o acidente aconteceu logo após o trabalhador ligar um veículo para fazer a ronda no local. 

Logo após o acidente, o técnico foi levado às pressas para o Hospital Pronto Socorro (HPS) 28 de Agosto, na Zona Centro-Sul da capital, sendo encaminhado à Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do setor de queimados do local. Segundo informações da assessoria de imprensa do hospital, o estado de saúde do funcionário da refinaria é considerado gravíssimo.

Rafael deu entrada na UTI e foi submetido a uma limpeza cirúrgica para a retirada de resíduos da pele. Segundo colegas de trabalho, o funcionário da Reman já havia perdido a visão e um dos braços dele teria sido amputado. Porém, o setor de comunicação do 28 de Agosto não comprovou essa informação.

A Petróleo Brasileiro S.A (Petrobrás) ainda não confirmou, mas a causa da explosão pode ter sido a fuga de gás. De acordo com a FUP a vítima teve 75 % do corpo atingido pela combustão. Antonio Rafael é formando em Engenharia de Produção e Engenharia Elétrica pela Universidade Federal do Amazonas (Ufam).


Histórico de acidentes 

A Reman foi inaugurada em 1957, e desde 1974 foi incorporada a Petrobras. A refinaria tem um histórico de acidentes graves envolvendo trabalhadores. Em dezembro de 2013, uma explosão feriu três operadores da empresa de uma só vez.  Em setembro de 2010, a técnica de operação, Renata Benigno, foi vítima de um grave acidente na refinaria e morreu após 10 dias de internação.

Em nota, a Petrobras disse que está prestando assistência ao trabalhador e que a explosão não causou danos ambientais. Segue o comunicado na íntegra: 

Nota da Petrobras

A Petrobras informa a ocorrência de explosão na Estação de Tratamento de Efluentes da Refinaria Isaac Sabbá (Reman), por volta das 22h50 de sábado (16/08). 

A ocorrência foi controlada pela brigada de emergência da refinaria, sendo que um Técnico de Operação sofreu queimaduras, tendo sido prontamente conduzido ao Hospital 28 de Agosto, de Manaus, onde está sendo atendido na  Unidade de Tratamento de Queimados.

A Petrobras está dando toda a assistência ao empregado e familiares. Não houve danos ambientais.