Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Gastos na Copa do Mundo: Voluntários custarão R$ 30 mi

Este é o valor que o Governo Federal deve gastar nesse ano com o programa Brasil Voluntário; 152 mil pessoas brasileiras querem trabalhar no mundial

Acadêmicos da Universidade Estadual do Amazonas trabalharam como voluntários no jogos de estreia da Arenada da Amazônia

Acadêmicos da Universidade Estadual do Amazonas trabalharam como voluntários no jogos de estreia da Arenada da Amazônia (Reprodução/Internet )

Além dos gastos exorbitantes com os estádios e obras de mobilidade urbana, que sequer ficarão prontas a tempo do Mundial, até voluntários serão bancados pelo poder público. Mesmo com o recorde de 152 mil inscritos para o Programa de Voluntários da Copa do Mundo da Fifa, o governo federal deve gastar este ano R$ 30 milhões com o programa Brasil Voluntário em 2014.

O valor corresponde à dotação atual do plano “Implementação do programa de voluntariado para a Copa”, que faz parte da ação “Apoio à Realização da Copa do Mundo FIFA 2014”, coordenada pelo Ministério do Esporte.

Enquanto o programa sob responsabilidade do Comitê Organizador Local da Fifa (COL) atenderá áreas como estádios, Centros de Treinamento de Seleções e Campos Oficiais de Treinamento, o outro, sob responsabilidade do Ministério do Esporte, será focado no atendimento em aeroportos e pontos turísticos.

Embora a assessoria de imprensa do Ministério do Esporte tenha afirmado que o programa não foi exigência da Fifa, a entidade afirma que “o COL e o Ministério trabalham em parceria desde o início do projeto, trocando experiências e compartilhando informações com o objetivo de oferecer o melhor atendimento para o público”.

Durante a Copa das Confederações, sete mil voluntários participaram da organização do evento em Brasília, Belo Horizonte, Rio de Janeiro, Fortaleza, Recife e Salvador, pelo Brasil Voluntário, o que custou R$ 15,2 milhões aos cofres públicos. O programa da Fifa contou com 5.652 voluntários.

Os voluntários que irão atuar na Copa do Mundo vão receber uniforme e alimentação durante a atuação no evento. O governo também banca seguro de vida e o transporte dentro da cidade-sede. Mas, de acordo com o Ministério do Esporte, os custos só são garantidos a cada dia de atuação e apenas no perímetro da cidade.

O Ministério do Esporte se limitou a dizer que o custo final depende da finalização de processos de contratação ainda em curso, e que “não é possível neste momento definir de maneira precisa quanto será gasto”.

Os dez países com mais inscritos no Programa de Voluntários foram: Colômbia (1.427), Estados Unidos (772), Espanha (760), México (742), Argentina (731), Polônia (495), Peru (481), Alemanha (352), China (335) e Rússia (314).

Inscrições acabam hoje

Serão disponibilizadas até 1.500 vagas em cada sede do torneio: Belo Horizonte, Brasília, Cuiabá, Curitiba, Fortaleza, Manaus, Natal, Porto Alegre, Recife, Rio de Janeiro, Salvador e São Paulo. Todas as etapas do programa – treinamento e atuação – serão certificadas pela Universidade de Brasília (UnB). As inscrições para o programa foram prorrogadas até hoje.

Para participar do Brasil Voluntário é necessário ter mais de 18 anos e disponibilidade para atuar no mínimo sete dias, seguidos ou intercalados, em turnos de 4 horas diárias. A seleção também levará em conta a participação nos treinamentos virtual e presencial (assiduidade e desempenho), perfil compatível com a área de atuação e número de vagas em cada área de atuação.

São esperados 600 mil turistas estrangeiros e três milhões de brasileiros em 2014. Pesquisa da Fundação Getúlio Vargas (FGV), mostrou que 80% dos estrangeiros entrevistados nunca visitaram o Brasil.

Saiba mais: Mais inscritos

Na soma dos dois períodos de inscrições do Voluntários da Copa do Mundo da FIFA 2014, os cinco primeiros colocados foram São Paulo (35.738), Rio de Janeiro (21.785), Minas Gerais (14.492), Distrito Federal (9.706) e Bahia (8.741). Entre os estados que não são sede da Copa,  Goiás ficou em primeiro, com 2.139 candidatos.

Em números

152.101 foi o número de inscritos  no Programa de Voluntários da Copa do Mundo da FIFA 2014, encerrado em outubro do ano passado. O número foi recorde. De acordo com a FIFA, essa marca representa mais do que o dobro de candidatos da Copa do Mundo da FIFA África do Sul 2010 (70 mil).