Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Governo da presidente Dilma Rousseff aumenta percentual de boa avaliação, diz Ibope

A aprovação do governo subiu de 37% para 43% entre a população. Os dados fazem parte da pesquisa da Confederação Nacional da Indústria (CNI), encomendada pelo Ibope

A presidente se manifestou sobre as denúncias de que a Petrobras seria alvo de espionagem norte americana

Já a parcela da população que confia na presidente se manteve estável em 52% (José Cruz/ABr)

O percentual da população que avalia como ótimo ou bom o desempenho do governo da presidente Dilma Rousseff aumentou de 37% para 43%. A aprovação da maneira como ela governa oscilou de 54% para 56%, enquanto a parcela da população que confia na presidenta se manteve estável em 52%.

Os dados fazem parte da pesquisa da Confederação Nacional da Indústria (CNI), encomendada ao Ibope, e divulgada nesta sexta-feira (13). Segundo o gerente Executivo de Pesquisa e Competitividade da CNI, Renato da Fonseca, um dos pontos que mais influenciaram o crescimento da aprovação do governo foi o fato de isso ocorrer após uma forte queda do índice, em decorrência das manifestações de julho.

Em março, o governo Dilma bateu recorde de aprovação, com 63% da população considerando-o ótimo ou bom. Em julho, com as manifestações, o percentaul chegou a 31%.

“As pessoas tiveram reações muito fortes em função das manifestações. Mas depois reavaliaram. Vale ressaltar que a recente pesquisa mostra melhora na avaliação do governo, mas não da presidenta Dilma Rousseff. Até porque a aprovação da maneira como ela governa apresentou uma oscilação dentro da margem de erro da pesquisa, de dois pontos percentuais; e a parcela da população que confia nela ficou estável [em 52%]”, disse Fonseca.

A pesquisa ouviu 2.002 pessoas, entre os dias 23 de novembro e 2 de dezembro, em 727 municípios. O levantamento tem margem de erro de 2 pontos percentuais.