Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Ipem-AM autuou 104 empresas e fiscalizou 148.202 produtos durante operação ‘Natal Seguro’

Foram verificadas irregularidades em produtos como peru, panetone, bacalhau, costela suína, amêndoas, chester e frutas cristalizadas

Ao todo, 956 estabelecimentos comerciais foram visitados pelo Instituto de Pesos e Medidas.

Ao todo, 956 estabelecimentos comerciais foram visitados pelo Instituto de Pesos e Medidas. (Divulgação)

O Governo do Estado, por meio do Instituto de Pesos e Medidas do Amazonas (Ipem-AM), finalizou nesta quinta-feira (12), a operação especial “Natal Seguro” nos diversos estabelecimentos comerciais da cidade, com um total de 148.202 produtos natalinos fiscalizados.

A operação teve por objetivo verificar se os produtos da área de pré-medidos, destinados às ceias de Natal e Ano Novo, estavam com a quantidade informada correspondente ao peso real declarado na embalagem. Entre os itens fiscalizados estavam bacalhau, chester, tender, pernil, peru, panetones, frutas cristalizadas, vinhos, entre outros.

Outro propósito da operação “Natal Seguro” era verificar se os produtos da área da qualidade industrial como, luminárias natalinas, bicicletas e brinquedos, atendiam as exigências estabelecidas pelo Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro).

Durante a operação foram fiscalizados 148.202 produtos, o índice de irregularidades foi de 5%. As equipes do Ipem-AM visitaram um total de 956 estabelecimentos comerciais e, destes, 104 empresas foram autuadas e receberam um prazo de 10 dias para apresentar defesa junto ao órgão. As multas pelo descumprimento das normas de qualidade variam entre R$ 100 e R$ 200 mil, dependendo do porte da empresa e do grau de reincidência.


De acordo com o diretor-presidente do Ipem-AM, engenheiro Márcio André Brito, a ação foi positiva, uma vez que o instituto tem a responsabilidade de proporcionar ao consumidor uma relação justa e segura de consumo.

“É importante ressaltar que esta operação ‘Natal Seguro’ iniciou no dia 26 de novembro de forma preventiva tanto na capital, como em toda região metropolitana e buscamos verificar se todos os produtos estavam sendo comercializados dentro das normas de qualidade, e se o peso declarado pelo fabricante estava correspondendo ao peso real”, disse.

Entre as irregularidades encontradas na operação foram registrados panetones, bacalhau, costela suína, amêndoas, peru, chester e frutas cristalizadas com peso abaixo do declarado na embalagem e produtos sem o desconto da tara.

O Ipem-AM também identificou bicicleta infantil sem informações formais e com estruturas danificadas, além de luminárias natalinas comercializadas com plugues fora do padrão estabelecido pelo Inmetro. Para fazer denúncias ao Ipem, o consumidor pode entrar ligar para 0800-092-2020, de segunda a sexta-feira das 8h às 12 e das 13h30 às 16h30.

*Com informações da assessoria de imprensa