Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Justiça americana condena ex-missionário por tirar fotos pornográficas de crianças

O religioso, que confessou ter fotografado e abusado sexualmente de crianças indígenas na Amazônia, ficará 58 anos preso nos Estados Unidos

Ex-missionário americano Warren Scott Kennell

Ex-missionário americano Warren Scott Kennell (Reprodução/ Internet)

A Justiça americana condenou nesta terça-feira (28) o ex-missionário Warren Scott Kennell, 45 anos, a 58 anos de prisão. Kennell confessou ter tirado fotos pornográficas de crianças enquanto trabalhava como missionário em uma tribo indígena da Amazônia.

O crime foi cometido entre 2008 e 2011 e o ex-missionário confessou que além de produzir o material ele chegou a abusar sexualmente das crianças.

O ex-missionário estava no Brasil atuando pela Missão Novas Tribos de Sanford, na Flórida, em maio passado, ao ser parado e revistado no Aeroporto Internacional de Orlando, ele foi pego com 940 imagens pornográficas em um disco rígido externo.

O caso deixou a organização evangélica em choque. “Estamos deprimidos”, disse Pam McCurdy, da Missão Novas Tribos. O grupo firmou um compromisso para investigar e impedir que novos casos aconteçam e agradeceu as autoridades por ter descoberto o ex-missionário.

*Com informações do portal Notícias Prime e UOL