Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Lojas se preparam para venda de ovos de Páscoa em Manaus

Gôndolas de supermercados e estabelecimentos especializados estão repletas de ovos de chocolate, e o que não falta é opção para o consumidor

A expectativa dos supermercados é de incremento nas vendas a partir deste sábado (29)

A expectativa dos supermercados é de incremento nas vendas a partir deste sábado (29) (Euzivaldo Queiroz)

A Páscoa é só em abril, mas os ovos de chocolate já invadiram as prateleiras e os corredores dos mercados de Manaus. Com preços e tamanhos variados, o doce pode chegar a preços “salgados” dependendo da marca, do peso ou até do brinde que vem junto. A CRÍTICA percorreu mercados da capital para traçar uma média de preços da sobremesa mais famosa do mês de abril.

Na maioria dos estabelecimentos, o preço varia entre R$ 5,99 e R$ 53,90. Da marca Arcor, o ovo mais barato é o Tortuguita Chocovinhos número seis, de 50g, que custa R$ 5,99. O mais caro é o Totuguita número 14, de 150g, que acompanha um headphone e custa entre R$ 49, 99 e R$ 51, 99, dependendo do estabelecimento.

Da marca Garoto, os preço médio é R$ 19,90, entre os números 12 e 15. Já da marca Nestlé, a mesma numeração possui média entre R$ 23. Dependendo do brinde, os ovos da marca Lacta podem chegar a até R$ 47,90. (Veja mais no tópico).

Pesquisa de preços

Para o presidente do Conselho Regional de Economia do Amazonas (Corecon/AM), Marcus Evangelista, o grande segredo para boas compras na páscoa é a pesquisa de preços.

“Como estamos próximos da páscoa, os preços não vão tender a baixar. Para encontrar um mais barato, só pesquisando bastante mesmo. Os menores preços, normalmente, estão em grandes supermercados, porque eles possuem um poder de compra maior que os pequenos mercados, e conseguem descontos que geralmente são repassados aos consumidores. Outra dica é não se apegar muito a marcas”.

Produto agregado

Para quem tem crianças, a dica é não levá-las na hora de comprar os ovos.

“Os fabricantes de ovos costumam agregar valor aos chocolates com pequenos objetos, como brinquedos de determinado desenho animado ou personagem de filmes. Geralmente, esses ovos são mais caros que os outros porque eles pagam royalties para usar aquela marca. Então, na hora que for comprar os ovos, é melhor deixar as crianças em casa porque a tendência é que elas peçam esses ovos mais caros”, destacou o Marcus Evangelista.