Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Brasil fecha 2013 com 271,10 milhões de acessos móveis

O Amazonas registrou 4.116.084 milhões de acessos móveis no período. O aumento do acesso se deve ao crescimento na venda de produtos com a internet, como celulares e tablets

Angélica Rodrigues, 15(à esqu.), que mora no Prosamim do Mestre Chico, tentou conectar a internet em seu celular, mas em vão

O aumento do acesso se deve ao crescimento na venda de produtos com a internet, como celulares e tablets (Ney Mendes)

O Brasil fechou 2013 com 271,10 milhões de linhas ativas na telefonia móvel e teledensidade de 136,45 acessos a cada 100 habitantes. Em dezembro, houve um acréscimo de 580,92 mil linhas. No ano, foram 9,92 milhões de novas adesões, um crescimento de 3,55% no setor. O Amazonas teve 4.116.084 milhões de acessos móveis no período, ficando atrás do Estado do Pará, que somou 9.097.552, o primeiro da região Nortede acordo com dados divulgados nesta segunda-feira (27) pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel).

No último mês de 2013, os acessos pré-pagos totalizavam 211,58 milhões (78,05% do total) e os pós-pagos 59,52 milhões (21,95%) no país. A banda larga móvel totalizou 103,11 milhões de acessos, dos quais 1,31 milhões são terminais 4G.

A consolidação dos números mensais do serviço móvel está disponível na aba "Anatel Dados", no portal da Agência na internet (www.anatel.gov.br). Por meio dos diferentes relatórios, o usuário poderá realizar pesquisas e cruzamentos conforme seu interesse. Os relatórios publicados refletem os dados disponíveis em 27 de janeiro de 2013 e podem sofrer alterações.

Teledensidade por Unidade da Federação

A teledensidade subiu de 136,24 em novembro para 136,45 em dezembro. No quadro abaixo é apresentada a teledensidade da telefonia móvel nas 27 Unidades da Federação e nas cinco regiões do País.