Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Painéis solares se tornam opção alternativa para o consumo de energia em residências de Manaus

O uso da energia solar através de painéis está se tornando, cada vez mais, uma opção viável para consumidores de residenciais e de condomínios de luxo na capital do Amazonas

O uso da energia solar através de painéis está se tornando, cada vez mais, uma opção viável para consumidores de residenciais e de condomínios de luxo na capital do Amazonas

O uso da energia solar através de painéis está se tornando, cada vez mais, uma opção viável para consumidores de residenciais e de condomínios de luxo na capital do Amazonas (Divulgação)

Se antes essa forma de captação energética era empregada apenas em grandes construções, hoje ela está evoluindo como mais uma forma alternativa de geração de energia e ganhando espaço no mercado e na casa das pessoas.

Prova disso é o aumento na procura pelo sistema em razão do custo benefício, perceptível diante da economia de energia elétrica nas contas ao final do mês. A empresa Luz Solar, localizada na avenida Mário Ypiranga Monteiro (antiga Recife), na Zona Centro-Sul, oferece possibilidades para o uso da tecnologia.

De acordo com seu proprietário, Roberto Lavor, 61, entrevistado por DINHEIRO, há vários tipos de kits com o sistema com preços que variam entre R$ 6 mil a R$ 7 mil, com 4 a 5 placas de potência maior ou menor.

Há ainda, o chamado Kit 2, composto com dois módulos solares de (100 w), um controlador de carga (12v), um inversor (300 w), bateria estacionária, quatro lâmpadas led e um kit com cabo e conectores, que daria para ligar, um televisor de 14”, um receptor de satélite, um ventilador e quatro lâmpadas led, ao preço de R$ 3.488.

“Depende muito de quais equipamentos o usuário quer distribuir a energia, mas quanto a isso, basta aumentar a quantidade de painéis solares”, explica o empresário.

Quanto ao funcionamento do sistema, Roberto informa que cinco horas de alimentação solar, pode gerar energia de até dois dias, por um período de quatro a cinco horas. Outra vantagem do equipamento é que o usuário pode monitorar a carga de energia, bem como o consumo e a tensão da bateria disponível, por meio de uma tela digital do gerador.

Sistema

Proveniente do Sol, a energia solar é captada por meio de painéis solares, formados por células fotovoltaicas, e transformada em energia elétrica ou mecânica. A redução de gastos chega a cerca de 30% a 45% no consumo de energia elétrica. O faturamento global da indústria de energia solar em 2013 chegou a 38 bilhões de dólares.

Demanda

O proprietário empresa Luz Solar destaca que o aumento no fluxo de pessoas à procura pelos painéis solares demanda em razão das falhas geradas no fornecimento de energia elétrica que assola a região. “Apesar do interesse maior de moradores das comunidades do interior, os residentes na capital, também estão cada vez mais, interessados no produto”, disse.

O exemplo citado por Roberto Lavor pode ser constatado em casas localizadas em condomínios de luxo, como o Residencial Ephigênio Salles e em algumas moradias em conjuntos e bairros da capital.

“Atualmente, economizar e a meta de muitas pessoas e grande parte do orçamento de uma família, está na conta de luz. Esse sistema de energia está crescendo em praticamente todas as camadas sociais, entre suas principais características positivas, destaca-se o fato de ser uma forma de energia renovável, inesgotável e limpa, não agredindo o meio ambiente”, comentou Roberto Lavor.

O empresário ressalta que a energia solar é considerada apenas uma forma complementar de energia, mas crê que o sistema deve ganhar impulso nos próximos anos. “Acredito que nos próximos anos vamos substituir gradativamente as fontes degradantes por outras, que são menos nocivas ao meio ambiente e mais segura para o consumidor”, completou.

Vale destacar que a loja Luz Solar também dispõe de uma gama de equipamentos movidos a energia solar como o carregador solar para ipad e a mochila com o mesmo sistema para notebook.

Região

Pelo menos 80% do atendimento elétrico às localidades consideradas isoladas do interior do AM poderia ser realizado a partir da geração de energia solar, diz setor de Projetos Especiais do Luz para Todos

Destaque

A Eletrobras Amazonas Energia já desenvolve desde 2011, o “Projeto 12 Miniusinas” em seis municípios do interior do Estado. O Projeto atende 222 unidades consumidoras, o que representa um universo de 1,3 mil pessoas que hoje utilizam energia elétrica gerada a partir da energia solar.