Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Durante abordagem, 'piratas dos rios' morrem após troca de tiro com a polícia de Coari (AM)

Os suspeitos, conhecidos como "Tom”, “Rafael” e “Neto”, perceberam a chegada da lancha da Polícia Militar e atiraram contra os agentes no Lago de Mamiá

Os suspeitos já eram procurados pela polícia por participação em diversos crimes no bairro do Pêra, em Coari

Os suspeitos já eram procurados pela polícia por participação em diversos crimes no bairro do Pêra, em Coari (Euzivaldo Queiroz)

Em operação nos rios do município amazonense de Coari (localizado a 362 quilômetros de Manaus), policiais militares locais deflagraram nesta segunda-feira (17) uma operação com o objetivo de combater a ação de assaltantes de embarcações, conhecidos popularmente como "os piratas dos rios da Amazônia". Três homens acabaram morrendo após serem baleados durante troca de tiros com a polícia.

Os suspeitos, identificados até o momento apenas como “Tom”, “Rafael” e “Neto”, perceberam a chegada da lancha da Polícia Militar e prontamente começaram a atirar contra os militares no Rio Mamiá. Após intenso tiroteio, eles foram alvejados e não resistiram aos ferimentos.

A ação, que começou por volta das 14h, terminou com a chegada dos corpos no Hospital Regional Dr. Odair Carlos Geraldo, no Centro de Coari, por volta das 22h30.

De acordo com o comandante da Polícia Militar do município, major Renildo Lamongi, a ação aconteceu após o registro de uma denúncia anônima ao telefone da corporação.

“Os policiais, sob o comando do tenente Orlando, foram encaminhados até o lago e conseguiram interceptar os suspeitos em outra embarcação. Eles reagiram à abordagem policial e atiraram contra a guarnição. Os policiais se defenderam de forma rápida”, declarou.

Ainda segundo o comandante, os suspeitos já eram procurados pela polícia por participação em diversos outros crimes no bairro do Pêra, entre eles homicídios, tráfico de drogas, porte ilegal de arma de fogo e formação de quadrilha. “Tom” era procurado por participação em pelo menos cinco mortes de desafetos no município.

“Tínhamos informação de que eles atuavam há muito tempo em assaltos também, inclusive de embarcações de menor porte. A polícia vai continuar atuando fortemente com o objetivo de inibir a ação dos criminosos em Coari”, finalizou Lamongi.

Dentro do banco utilizado pelos "piratas dos rios" foram encontrados três armas de fogo, sendo um revólver calibre 32, uma escopeta e uma pistola 380. O material foi apreendido e levado para a delegacia de Coari.