Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Mototaxista é executado no bairro Zumbi, na Zona Leste de Manaus

O homem estava lanchando com amigos, quando foi morto a tiros. Testemunhas afirmam que a vítima morreu por engano

O crime está sendo investigado por agentes da DEHS.

O crime está sendo investigado por agentes da DEHS. (Arquivo/A Crítica)

O mototaxista William Venâncio da Silva Godói, de 22 anos, foi morto com pelo menos sete tiros por volta das 23h desta quarta-feira (16), na rua das Palmeiras, bairro Zumbi III, na Zona Leste da capital. O homem, que era conhecido pela alcunha de “Tri”, teria sido supostamente morto por engano: o alvo seria o irmão da vítima, que está preso mas teria dívidas com traficantes de drogas.

A vítima estava no intervalo do trabalho quando encontrou com amigos e foi fazer um lanche. Nesse momento, dois homens em uma moto Honda CG 125 abordaram o grupo e começaram a disparar em direção ao mototaxista. A vítima chegou a ser socorrida e levada ao Hospital Pronto-socorro Dr. João Lúcio, na Zona Leste de Manaus. Porém, na resistiu aos vários ferimentos e faleceu no local.

De acordo com testemunhas que conheciam a vítima, William foi morto por engano. Segundo informações de amigos e familiares, os criminosos teriam executado o homem errado, já que o alvo seria o irmão do mototaxista, que está preso por ter assaltado uma casa lotérica.

O caso está sendo investigado por policiais da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), que não descartam que William também tinha envolvimento com o tráfico de drogas. O corpo da vítima foi levado ao Instituto Médico Legal (IML) para ser periciado.