Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Programa Ronda no Bairro chega a Manacapuru e Iranduba

Durante o lançamento o Governador Omar Aziz anunciou as próximas cidades a serem beneficiadas: Tefé, Tabatinga, Coari, Lábrea e Eirunepé

Programa Ronda no Bairro chega a Manacapuru e Iranduba

Programa Ronda no Bairro chega a Manacapuru e Iranduba (Divulgação / Agecom)

Os municípios de Manacapuru e Iranduba (a 84 e 27 quilômetros, respectivamente, de Manaus) receberam nesta sexta-feira (24) o Ronda no Bairro, programa de segurança baseado no conceito de polícia comunitária.

O governador do Amazonas, Omar Aziz, lançou o programa nos dois municípios, e anunciou que as próximas cidades a serem beneficiadas serão Tefé, Tabatinga, Coari, Lábrea e Eirunepé.

No interior, um dos maiores desafios é alcançar as comunidades mais isoladas das sedes municipais. Manacapuru foi dividida em oito setores de segurança que serão cobertas pelo policiamento ostensivo regular.

Mais de 40 comunidades de difícil acesso estão incorporadas na malha de segurança. Segundo o governador, a característica reforça a necessidade de maior colaboração da população com o sistema de segurança.

Redução de 30% nos índices de violência em Manaus

Em Manaus, o modelo baseado na parceria entre as polícias e a comunidade contribuiu para redução média de 30% nos índices de violência e em Humaitá, Itacoatiara e Parintins, onde entrou em operação no final do ano passado, os resultados têm sido positivos.

“A presença da polícia comunitária junto à população inibe a prática de coisas ruins e com a implantação em Manacapuru vamos reduzir bastante os índices de criminalidade. O mais importante é que teremos uma capilaridade maior nos municípios e poderemos agir de maneira mais rápida", afirmou o governador.

As cerimônias de lançamento do Ronda no Bairro em Manacapuru e Iranduba contaram com a presença do vice-governador, José Melo, dos prefeitos das duas cidades, Jesiel Nunes de Alencar (Manacapuru) e Xinaik Medeiros (Iranduba), e de uma comitiva de deputados estaduais, vereadores e secretários de governo.

Investimentos para o programa

Para implantar o programa em Manacapuru, o investimento do Governo do Estado foi de R$ 2.563.357,86 e contemplou a construção e reforma de unidades policiais e mais 2.562.253,47 para viaturas, capacitação, equipamentos, armamentos, tecnologias e sistemas e radiocomunicação.

Expectativa da população

O mototaxista Adonias Sarmento, 68, assistia a cerimônia que marcou a chegada do programa com atenção. Para ele, o momento é a realização de uma expectativa que começou a ser criada com o lançamento do Ronda no Bairro em Manaus, em 2011.

Desde o início, ele escuta falar dos benefícios do programa de segurança pública em atrações nas emissoras de rádio.

“Manacapuru estava muito perigosa e agora chegou a oportunidade da população daqui da cidade, e do interior, conhecer o programa. Eu sempre ouvi falar pela rádio e achava que Manacapuru não podia ficar de fora”, disse.

Líder da comunidade Monte Sinai, o agricultor Francisco Araújo, 62, disse que a comunidade, que fica a 17 quilômetros da sede de Manacapuru, não registra altos índices de violência, mas a chegada do programa é um alívio.

“É uma maravilha ter essa segurança. Nossa comunidade é distante e de difícil acesso. Eu tenho certeza que vai melhorar bastante para nós com o Ronda no Bairro”, comentou.

Efetivo de segurança

Em Manacapuru, com 85.141 habitantes, o Ronda no Bairro conta com um efetivo de 206 policiais, sendo 182 militares e 24 civis. São 31 viaturas, sendo 13 carros, 17 motocicletas e um carro tipo Van.

Com informações da assessoria