Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Uso de aparelho ortodôntico irregular pode causar perda de dentes, alerta CRO-AM

Conselho de Odontologia inicia campanha no AM para conscientizar sobre o uso correto de aparelhos e outros acessórios para correção dos dentes; conheça alguns dos danos que a utilização incorreta pode causar

Dra. Vera Louzada, presidente do CRO-AM

Dra. Vera Louzada, presidente do CRO-AM (Divulgação)

O Conselho Regional de Odontologia do Amazonas (CRO-AM) faz um alerta para os riscos do uso de aparelhos ortodônticos e acessórios como ligas e fios, sem o acompanhamento de um ortodontista. O órgão iniciou, nesta semana, uma campanha de conscientização contra o uso indevido de aparelhos dentários.

De acordo com a presidente do CRO-AM, Vera Louzada, a prática pode resultar em problemas graves como dor, perda óssea, movimentações dentárias indesejadas e até perda dos dentes.

Vera Louzada destaca que pacientes estão utilizando ligas coloridas como acessórios de moda, muitas das vezes compradas e colocadas sem acompanhamento do ortodontista. “Os danos podem ser irreversíveis, podendo levar até a perda dos dentes. Somente o ortodontista pode instalar e fazer qualquer mudança no aparelho. As ligas, por exemplo, possuem uma finalidade específica, não podem ser usadas ou trocadas apenas por uma questão de modismo”, disse.

Ela destaca que o CRO-AM flagrou em Manaus, vendedores ambulantes comercializando elásticos e borrachas utilizadas para a manutenção de aparelhos ortodônticos. “Esse problema já tem sido registrado em alguns estados e a medida que confirmamos esse comércio ilegal estamos repassando a denúncia para os órgãos competentes, como a Vigilância Sanitária, Policia Civil e Ministério Público para as providências cabíveis”, disse.

Segundo ela, há casos de pessoas que ficaram com os dentes totalmente soltos, com a raiz fora do osso e presos somente pelo aparelho. “Nós acreditamos que as pessoas que se submetem a esses serviços por falsos profissionais não sabem dos riscos que estão correndo. Nós também pedimos apoio dos pais e responsáveis para que atentem para esse uso indevido”, afirmou. 

A ortodontia é uma especialidade que corrige a posição dos dentes e dos ossos maxilares posicionados de forma inadequada. Dentes tortos ou dentes que não se encaixam corretamente são difíceis de serem mantidos limpos, podendo ser perdidos precocemente, devido à deterioração e à doença periodontal.  “O tratamento ortodôntico torna a boca mais saudável, proporciona uma aparência mais agradável e dentes com possibilidade de durar a vida toda. Para ser um ortodontista, o cirurgião-dentista passa por um curso de especialização que dura em torno de três anos, além dos cinco anos da graduação”, informou.

* Com informações da assessoria de comunicação do Conselho Regional de Odontologia do Amazonas (CRO-AM).