Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Governo do Estado e Basa selam acordo de R$ 200 milhões

O presidente do Basa e o governador Omar Aziz assinarão acordo de Cooperação do Fundo de Aval e do Programa de Incentivo e Uso de Insumos Agropecuários, Semoventes, Máquinas e Equipamentos Agrícolas (Proinsumos)

Empresas visam produtores rurais

Valor corresponde aos recursos que o produtor rural amazonense poderá pleitear como crédito junto ao Proinsumos, segundo a Sepror (Foto: Evandro Seixas - 01/05/2009 )

Com investimentos de quase R$ 900 milhões no ano passado, em contratações de crédito de fomento, o Banco da Amazônia (Basa) promete injetar recursos na ordem de R$ 1,18 bilhão no Estado do Amazonas, em 2014, oriundo do Fundo Constitucional do Norte (FNO) e do próprio caixa. A aplicação da verba deverá ser direcionada para o crescimento e desenvolvimento de cadeias produtivas do Estado dentre elas fruticultura, mandioca, pesca, aquicultura e piscicultura.

Para divulgar a programação financeira deste ano, fazer a prestação de contas do que foi realizado em 2013 e assinar com o Governo do Amazonas acordo de cooperação de R$ 200 milhões, o presidente do Basa, Valmir Rossi, estará em Manaus hoje. Ele cumprirá agenda no Palácio do Governo e na sede da Suframa, com gestores da instituição.

Segundo Rossi, em 2013, o Basa teve um resultado recorde em suas aplicações, a exemplo das aplicações do Fundo Constitucional do Norte (FNO). “Tivemos um desempenho histórico ao longo dos 23 anos de existência do Fundo , aplicando um total de R$ 4,72 bilhões, alocados nos sete Estados da Região Norte.

Acordo de R$ 200 mi

O presidente do Basa e o governador Omar Aziz assinarão acordo de Cooperação do Fundo de Aval e do Programa de Incentivo e Uso de Insumos Agropecuários, Semoventes, Máquinas e Equipamentos Agrícolas (Proinsumos).

De acordo com o secretário de Produção Rural, Eron Bezerra, serão disponibilizados nos próximos 12 meses pelo Basa ao menos R$ 200 milhões para apoiar atividades agropecuárias da agricultura familiar da Amazônia.

Com as medidas, os produtores rurais terão condições facilitadas para acessar o financiamento agrícola. Em 2013, o Governo do Amazonas e Sepror assinaram um protocolo de intenção junto ao Basa para viabilizar o Fundo de Aval e o Proinsumos, que são dois instrumentos para facilitar o acesso da agricultura familiar ao financiamento agrícola.

Desde então, a Secretaria de Produção Rural e o Banco da Amazônia trabalharam na construção dos instrumentos de operacionalização. Cumprida essa etapa, o Estado passa agora a ter autonomia para oferecer estes benefícios aos homens e mulheres do campo.

Manaus é uma das nove capitais da região amazônica a ser visitada pelo Valmir Rossi no período de fevereiro a abril deste ano. “Essas visitas fazem parte de uma estratégia que visa potencializar o desenvolvimento da região no âmbito dos nove Estados que constituem a base territorial da Amazônia Legal”, declarou o presidente.