Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Nomes dos candidatos ao cargo de diretor do Inpa são enviados a Brasília

Dos seis inscritos para assumir o cargo de diretor do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (INPA), apenas três nomes foram escolhidos para a etapa final

O mestrado possui três vagas e pertence ao Inpa

Esta é a terceira vez que o novo diretor do Inpa é escolhido por meio do sistema de sucessão, por uma comissão (Luiz Vasconcelos)

A lista tríplice com os nomes dos indicados ao cargo de diretor do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (INPA) foi entregue nesta terça-feira (02) ao Ministro da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCT&I), Clélio Campolina. Os nomes dos finalistas são mantidos em sigilo. Compolina decidirá qual o candidato mais qualificado para administrar o instituto pelos próximos quatro anos.

Seis candidatos concorreram ao cargo e tiveram os planos de trabalho e curículos submetidos a um comitê de especialistas coordenado pela Presidente da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC), professora Helena Bonciani Nader. Apenas três foram escolhidos para a etapa final.

O comitê de busca foi designado pelo próprio ministro para auxiliá-lo na escolha do diretor, atendendo uma portaria federal. Dos seis candidatos, apenas um é amazonense. Quatro são pesquisadores do Inpa, um é pesquisador da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) e o outro é empresário, também de Minas Gerais.

Eles tiveram até 12 de maio para enviar as propostas. O processo de escolha tem sido adotado há vários anos para diretores de unidades de pesquisa em todo o País. O Inpa foi o primeiro a testar o sistema de sucessão baseado em indicação e qualificação e o realiza pela terceira vez.

Apesar da entrega dos nomes, ainda não está definida a data para o anúncio do ministro com o candidato vencedor. Porém, a gestão do atual diretor do Inpa, Adalberto Val, termina este mês, o que significa que a divulgação não deve demorar. Os três nomes foram escolhidos na segunda-feira, após um dia inteiro de entrevistas e apresentação pública dos planos dos seis candidatos para servidores e de entrevistas individuais com o comitê de busca.

O comitê tem a responsabilidade de identificar, nas comunidades científica, tecnológica e empresarial, candidatos com os perfis que mais se aproximam dos interesses do instituto de pesquisa. O cargo foi aberto pelo MCTI a qualquer pessoa, pesquisador ou tecnólogo brasileiro ou naturalizado reconhecido pela experiência profissional junto à comunidade científica e tecnológica.

De acordo com o ministério, o novo diretor precisa ter, além da experiência administrativa e capacidade de promover a agregação entre os funcionários do Inpa, visão de futuro e desenvolvimento.