Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

PMDB aprova aliança com o PT nas eleições de 2014

Convenção realizada pelo partido, em Brasília, manteve o presidente de honra da legenda como companheiro de chapa da presidente Dilma Rousseff

Senador Eduardo Braga afirmou que a confirmação da aliança nacional entre o PMDB e o PT reforça a coligação no Amazonas

Senador Eduardo Braga afirmou que a confirmação da aliança nacional entre o PMDB e o PT reforça a coligação no Amazonas (Roque Sá/Agência Tempo)

Por 398 votos favoráveis e 275 contrários, os delegados do Partido do Movimento Democrático Brasileiro (PMDB) aprovaram nesta terça-feira (10) a aliança com o Partido dos Trabalhadores (PT) nas eleições de outubro e garantiram a presença do vice-presidente da República, Michel Temer, na chapa de reeleição da presidente Dilma Rousseff. O Amazonas participou com nove delegados e, segundo o presidente da legenda, senador Eduardo Braga, os representantes partidários votaram 100% pela união PMDB-PT.

“A opção que o PMDB nacional faz pela manutenção da aliança, pela chapa Dilma-Temer, é para que nós possamos avançar mais, possamos melhorar ainda a infraestrutura neste país, a política de educação, a política pública de saúde, que é um desafio ainda para os brasileiros. A questão da segurança pública que nós precisamos avançar e o PMDB tem um papel, sem nenhuma dúvida, importante e marcante nessa caminhada”, declarou Eduardo Braga no final da convenção.

O vice-presidente da República e presidente de honra do PMDB, Michel Temer, destacou que o partido ajudou a construir e executar as políticas do governo que ajudaram o Brasil a melhorar seus índices sociais e econômicos. “O PMDB é esta força extraordinária que garantiu a grande evolução social deste país. Por isso estamos nos habilitando a fazer esta parceria”, disse o vice-presidente.

Ao agradecer a votação pela permanência da aliança PT-PMDB, a presidente Dilma Rousseff elogiou a parceria com Michel Temer. “Temer articulou consensos em todas as circunstâncias. Ele ajudou muito a mim e quero agradecer essa valiosa companhia que tive no Governo nesses anos”, declarou Dilma.

Além do presidente estadual do partido, Eduardo Braga, também participaram da convenção nacional do PMDB, os deputados estaduais Marcos Rotta e Berlamino Lins, o vereador Marcel Alexandre, os ex-deputados federais Lupércio Ramos e Thomé Mestrinho, além de membros da executiva regional.

Ao se referir à eleição no Amazonas, Braga, lembrou que o apoio do PT ao PMDB local se concretizou e a decisão nacional de ontem reforça a aliança no Estado. Sobre os cargos que os petistas terão na chapa dele, explicou: “estamos na fase de conversa com outros partidos para compor a nossa grande aliança. Somente depois é que vamos definir a chapa”.