Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

FVS confirma primeira morte por H1N1 no Estado do Amazonas

O diagnóstico aconteceu no dia 28 de abril e a paciente morreu na sexta (2), no período de uma semana. Em 2013, foram confirmados cinco casos da doença pela Fundação de Vigilância Sanitária

Bernardino Albuquerque [FVS]

O diretor-presidente da FVS, Bernardino Albuquerque, disse que alguns casos diagnosticados começaram como gripes comuns (Antonio Lima - 21/ago/2009)

A Fundação de Vigilância de Saúde do Amazonas (FVS-AM), órgão vinculado à Secretaria Estadual de Saúde (Susam), confirmou a morte de uma adolescente por H1N1, na última sexta-feira (2), em Manaus. A paciente estava internada no Hospital São Lucas, da rede privada, desde o dia 25 de abril, com Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG).

A equipe de Vigilância Epidemiológica da FVS-AM, em conjunto com o Laboratório Central do Amazonas (Lacem), realizou a coleta no dia 28 de abril e o resultado do exame foi confirmado para Influenza H1N1. Desde a internação, por se tratar de caso suspeito, a paciente já fazia o uso de Tamiflu, mas no final da tarde da última sexta-feira não resistiu a embolia pulmonar.

De acordo com o diretor-presidente da FVS-AM, Bernardino Albuquerque, esse ano foram confirmados cinco casos da doenças, sendo que três deles foram pacientes com gripe comum identificados pelo monitoramento sentinela.

“O Hospital São Lucas seguiu a nota técnica aos serviços de saúde da FVS-AM, que recomenda a antecipação do tratamento nos casos suspeitos da doença, com o uso da droga viral (tamiflu), mesmo antes da confirmação laboratorial, porém a paciente já chegou à unidade em estado gravíssimo”, ressaltou.

Albuquerque alerta que, em casos gripais, as pessoas devem procurar a unidade de saúde mais próxima de suas casas, para passarem por avaliação, por profissional habilitado, principalmente aqueles que fazem parte do grupo de risco, tais como: gestantes, pacientes de doenças crônicas, obesos, crianças e idosos.

“A Campanha de Vacinação contra Influenza está acontecendo até o dia 9 de maio, sob a coordenação do Governo do Estado e realização das secretarias municipais. Aqueles que ainda não foram vacinados não deixem de procurar o posto de saúde”, orienta.

Em 2013, durante a campanha de vacinação contra H1N1 realizada nacionalmente, mais de 537 mil pessoas do grupo de risco receberam a vacina contra a gripe no Amazonas. Isso corresponde a 87% da cobertura vacinal em todo Estado. Em Manaus, a campanha conseguiu alcançar a meta de 100% de cobertura, com a vacinação de 244 mil pessoas.

*Com informações da assessoria de imprensa