Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Número de vítimas em acidente na Djalma Batista sobe para 15

Domingos Messias de Souza, de 60, deu entrada no pronto-socorro 28 de Agosto com trauma encefálico, e não resistiu aos ferimentos; Hemoam iniciou uma campanha para receber doações de sangue

Policiais militares no local do acidente, na noite de sexta (28). Eles estavam ajudando na remoção dos sobreviventes

Policiais militares no local do acidente, na noite de sexta (28). Eles estavam ajudando na remoção dos sobreviventes (Clóvis Miranda)

Menos de um dia depois do grave acidente entre uma caçamba e um micro-ônibus, na Avenida Djalma Batista, Zona Centro-Sul de Manaus, que deixou 14 vítimas, mais uma morte foi registrada: a do marceneiro Domingos Messias de Sousa, de 54 anos, que deu entrada no Hospital Pronto-Socorro João Lúcio com trauma encefálico e acabou não resistindo aos ferimentos.

Em nota, a Secretaria de Estado de Saúde (Susam) deu novas informações sobre o estado dos 17 pacientes que foram encaminhados para os prontos-socorros e Serviços de Pronto Atendimento (SPA’s) da cidade: oito já receberam alta; um continua internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Pronto-Socorro 28 de Agosto, em estado grave; dois permanecem internados no João Lúcio com quadro estável; um está em observação no SPA São Raimundo; e uma paciente foi removida para um hospital particular, a pedido da família. A vítima que não teve o nome divulgado na primeira lista já foi identificada: é o industriário Ricardo Oliveira dos Santos, de 35 anos.

O prefeito de Manaus, Arthur Neto, cancelou um compromisso na Suiça neste sábado (29) e retornou a Manaus ainda na madrugada para acompanhar o resgate às vítimas. Pela manhã, ele compareceu ao funeral de Gabriela Teles Messias, de 26 anos, que estava grávida e entrou em trabalho de parto após a colisão. Ela e o bebê acabaram falecendo.


O velório (foto) foi realizado na Funerária Almir Neves, no Centro de Manaus, e teve as despesas pagas pela Prefeitura. Gabriela era vendedora em uma concessionária de carros. O vice-prefeito Hissa Abrahão decretou luto oficial na cidade por três dias por causa do acidente.

O Hemoam (Fundação Hospitalar de Hematologia e Hemoterapia do Amazonas) iniciou uma campanha no Facebook para coletar doações de sangue, a fim de ajudar as vítimas. O hospital deve ficar aberto até as 18h de hoje para receber os doadores.

Entenda o caso

Um acidente provocado por uma caçamba que dirigia em alta velocidade e na contramão acabou vitimando 15 pessoas na noite desta sexta-feira (28). Testemunhas no momento do acidente disseram que o veículo vinha em alta velocidade e batendo nos carros adjacentes quando se chocou com o micro-ônibus. Os motoristas de ambos os veículos morreram na hora.