Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Alimentação correta é primordial antes e depois da atividade física

Seja para emagrecer, seja para ganhar ou manter massa muscular, a dieta precisa complementar o exercício físico para que se alcance o objetivo

Programa nutricional varia de acordo com o corpo e o objetivo da pessoa

Programa nutricional varia de acordo com o corpo e o objetivo da pessoa (Érica Melo)

Nem só de academia vive o corpo desejado: a alimentação correta antes e após o treino irá definir grande parte do sucesso de um projeto, seja para emagrecer, seja para ganhar massa muscular, seja para manter. Além de fornecer o combustível para levantar peso, a comida também fornece ao corpo a energia para o crescimento e reparo necessário. Por isso, na hora das refeições, os objetivos perseguidos devem estar em mente, para que à mesa, o cardápio ideal possa os acompanhar.

Sendo um programa nutricional que varia de acordo com a composição corporal e o escopo final de cada um, esqueça as dietas prontas - de livros, Internet ou revistas. “É de fundamental importância a consulta com o profissional especializado - o médico nutrólogo, nutricionista, médico desportista, nutricionista desportista. A avaliação permite identificar como está o peso, a composição corporal (o que do peso da pessoa representa massa muscular ou massa gorda), e as condições de saúde”, orienta a nutróloga Isolda Campos, especialista pela USP e ABRAN, mestre e doutora em Medicina pela USP/ FMRP.

A primeira regra, a médica diz, é universal: nunca se exercite em jejum sobretudo pela manhã e quem precisa manter ou ganhar massa muscular. Em seguida, em termos de pré-treino, deve-se observar o volume da refeição e do tipo de atividade física a ser realizado.

“Se for após as três principais refeições, é necessário aguardar de 30 a 60 minutos. Após os lanches intermediários, pelo menos 15 a 30 minutos. Se for utilizado apenas suplementos de 15 a sem intervalo. Durante a noite, o glicogênio muscular é depletado no fígado, em outras palavras, o “estoque” de energia disponível para manter o metabolismo funcionando durante a noite (glicose) e para realizar as atividades iniciais ficam bastante reduzidos, então com a realização de atividade física sem alimento, parte da massa muscular pode servir de fonte de energia para os primeiros 30 minutos da atividade física”, alerta a nutróloga.

Quantidade certa

Comer é fundamental, assim como a quantidade equilibrada de comida: se houver exageros, também podem surgir problemas. “Pode vir o mal estar, porque o fluxo sanguíneo é desviado para a região do sistema digestório, para auxiliar no processo da digestão”, explica dra. Isolda.

A alimentação tanto para o ganho de peso (massa magra), como para o emagrecimento devem prezar pela variedade dos grupos de alimentos e adequação às necessidades individuais; “Recomenda-se três refeições principais, dois ou três intermediárias”, adianta a médica