Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Penúltimo fim de semana de 2013 traz show gratuito de Jota Quest e atrações de e-music e indie rock

Apresentação da DJ nipo brasileira Eli Isawa na SUB, o indie rock das bandas Luneta Mágica e Malbec ou mesmo ajudar as crianças a ter um natal melhor ao cair na balada no Glam Dancing Bar são opções

Jota Quest no Rock in Rio 2013

Jota Quest no Rock in Rio 2013 (Panfili/agnews)

A penúltima semana do ano está recheada de opções para os manauaras que quiserem ouvir boa música eletrônica, música experimental ou assistir uma exposição diferente na Galeria do Largo São Sebastião, no Centro da cidade. Mas a maior atração será no domingo (22) quando os mineiros do Jota Quest farão o show principal da estreia da segunda parte do Parque da Ponta Negra, após um dis inteiro repleto de atrações musicais e culturais para toda a família.

Sexta-feira (20)

Eli Iwasa faz sua última apresentação do ano no Amazonas, na sexta-feira (20) a partir das 23h, no SUB, localizado no subsolo do shopping Madeira Mall, Zona Centro-Sul de Manaus, mostrando um set que terá um balanço do que elaborou neste ano na E-Music.

Eli, que é colunista da DJ Mag Brasil, revista especializada em música eletrônica, e sócia do Club 88, situado em Campinas (SP), ganhou fama por organizar o projeto “Technova” no histórico Lov.e Club, considerada a balada paulistana que impulsionou grandes expoentes brasileiros da e-music. Além disso, tem forte trajetória internacional com gigs em diversas partes do mundo.

“Vejo que a cada ano tem um grande número de mulheres entrando no mercado. Acho apenas que é um diferencial ser mulher em um mercado tão competitivo. Isso gera uma curiosidade nas pessoas. Mas qualquer mulher para se ter uma carreira consistente, longa e respeitada na cena eletrônica, precisa ser boa DJ e ter muita técnica”, disse a bela nipo brasileira.

Música e moda darão a tônica da última edição deste ano do R2 Universo Cultural na sexta-feira (20), a partir das 22h, com a apresentação dos cantores Elisa Maia e Adriano Arcanjo, além das bandas Supernova tocando covers de rock britânico,  e Camelos Barbados, tocando covers de Los Hermanos. Paralelamente, será realizada a final do concurso cultural de moda Vitrine Rosa Choque.

Em turnê pelo Norte do Brasil, a cantora Elisa Maia fará, no palco do R2, a apresentação de suas cinco músicas de trabalho, além da interpretação de outras canções de artistas brasileiros. “Vou mostrar o show que estou fazendo pelas outras capitais do Norte, o que inclui ‘Me chama pra pista’, ‘O que melhor’, ‘Para musos’, ‘Falta’ e ‘Ser da cidade”, comentou a artista.

Com a proposta de oferecer o espaço não só a músicas, mas também a movimentos em suas diversas manifestações, nesta sexta-feira o R2 será o cenário da final do oncurso cultural de Moda Vitrine Rosa Choque. Nele, nove estilistas desfilarão suas peças criadas e desenvolvidas especificamente para o concurso.

O detalhe é que as criações foram concebidas a partir do brim, usado para a confecção de uniformes. “O intuito é o de criar uma cadeia produtiva ligada à economia criativa, mostrando também a responsabilidade social da iniciativa”, explicou a estilista e organizadora do desfile, Santa Cris.

A Galeria do Centro Cultural Largo São Sebastião recebe na sexta-feira (20) a exposição 'Euros - do risco ao pixel', com serviço de audiodescrição, destinado a melhorar a acessibilidade à pessoas com deficiência visual.O período da exposição de estenderá até o dia 14 de fevereiro, de terça a domingo, das 17h às 21h.

O evento disponibilizará o serviço em mais de 10 obras de artes com canetas interativas (pentop) que proporcionarão a audiodescrição. Além disso, os visitantes também terão acesso à informação em áudio sobre a Galeria e as salas de exposição, bem como, a distribuição de folders com escrita em Braille e fonte ampliada, tudo isso para atender com qualidade as necessidades do público dirigido.  

Segundo a responsável pela Assessoria de Inclusão da Pessoa com Deficiência da Secretaria de Estado de Cultura (SEC) Layla Lopes, foram realizados algumas adaptações na Galeria do Largo. Além disso, monitores, recepcionistas, direção e demais funcionários do espaço passaram por um treinamento especifico para poder atender de forma coerente e com a devida atenção.

“Todos os recursos de audiodescrição e materiais gráficos com escrita em Braille e fonte ampliada que serão oferecidos durante as visitações, o café da Galeria agora possui um cardápio em Braille e fonte ampliada”, adiantou Layla. O artista Euros Barbosa disponibilizará uma das obras em porcelana (biscuit), intitulada Mapinguari para o contato manual com a peça, aos respectivos visitantes.

Sábado (21)

Uma noite de diversão em troca do sorriso de uma criança é a proposta da "Toy Children Care", festa solidária em prol do Grupo de Apoio à Criança e Adolescente com Câncer do Amazonas (GACC-AM), que acontece no sábado (21) a partir das 21h, no Glam Dancing Bar, localizado narua Pará, Vieiralves, Zona Centro-Sul de Manaus. O evento vai arrecadar brinquedos e destinar parte da bilheteria à entidade.

 AA festa terá trilha sonora a cargo do DJ residente Louis Erre e do convidado Rubem Rocha, que agitam a pista de dança com força total a partir das 23h. Rubem esquenta a pista de dança com um passeio por diversos estilos da house e da eletrônica. Logo após, Erre agita o público com hits das vertentes tribal, deep e progressive house.

O ingresso para a festa será um brinquedo novo, mais R$ 10; ou R$ 30, sendo que metade deste valor será revertido ao GACC-AM. A instituição assistencial foi fundada há quase 15 anos e hoje atende 280 jovens de 0 a 18 anos no Estado.

Pra fechar o ano com chave de ouro, a festa Psicotrônico, que chega a sua sexta edição, será liderado pelas bandas de indie rock Luneta Mágica e Ṁalbec, com abertura do projeto Durmo Embaixo, com um som experimental e a dupla de DJs Take Pills nos intervalos da festa.

O Psicotrônico VI faz parte da rede Até o Tucupi e acontece no sábado (21) na Estação Cultural Arte e Fato à partir das 21h. O ingresso custa R$ 15 e R$ 10 na lista amiga.

Domingo (22)

A atração mais esperada da ‘inauguração’ da segunda parte do Parque da Ponta Negrano domingo (22) é a banda pop mineira Jota Quest, que irá agitar a festa a partir das 20h, no Anfiteatro, principal palco do evento. Ao longo do dia, serão oferecidas atividades laborais e shows de artistas locais ao longo de cinco palcos que serão montados no Parque, com atrações simultâneas.

Pela manhã, a Orquestra do Beiradão do Amazonas (OBA) dará início às comemorações no palco principal, a partir das 9h. À tarde, a partir das 15h, a agitação ficará por conta da banda amazonense de rock Zona Tribal, seguida pela cantora amazonense Márcia Novo e pelo cantor Elias Moreira, que ficou famoso ao representar Manaus no programa “The Voice Brasil”.

A partir das 16h, os artistas locais Lucinha Cabral, Karine Aguiar e Serginho Queiroz serão as principais atrações do Espaço Nossa Família, cujo palco será montado no Mirante do espaço inaugurado. Atividades recreativas para a infância e juventude, com grupos de atores e animadores, serão oferecidas no local durante a manhã, a partir das 9h.

Já na área dos restaurantes, das 16h até a noite, as Escolas de Samba Vitória Régia, A Grande Família e Reino Unido devem agitar o Espaço Sempre Ao Seu Lado, que servirá para a integração das secretarias com a população durante a manhã.

No Espaço Jovem, montado na Pista de Skate, a música ficará por conta de DJs e artistas amazonenses de hip hop, mas grafiteiros e outros tipos de manifestações culturais também devem participar. Na área ao redor da Pista de Skate, bandas locais alternativas serão a atração do Espaço Nossa Tribo, a partir das 16h: Dry Martini, Soda Billy, Alaídenegão e Johnny Jack Mesclado se apresentam uma após a outra, e a banda Casulo deve encerrar as atividades naquele palco, por volta das 22h.