Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Banda marcial de Manaus se classifica para campeonato mundial na Dinamarca

Agremiação conquistou medalha de bronze em disputa realizada no último domingo (3), em Bragança Paulista (SP). Resultado qualificou equipe para participar de próxima edição no país europeu, em julho de 2015

Agremiação amazonense obteve medalha de bronze nas três modalidades disputadas

Agremiação amazonense obteve medalha de bronze nas três modalidades disputadas (Divulgação)

Representando com brilhantismo o Amazonas, a banda marcial da escola estadual Petrônio Portela, da Zona Oeste de Manaus, conquistou no último final de semana a medalha de bronze no Campeonato Mundial de Bandas de Marcha e Show (World Championship of Marching Show Bands). Promovido em Bragança Paulista, no interior de São Paulo, o evento qualificou o grupo amazonense para participar, em julho de 2015, da próxima edição do Mundial, na Dinamarca.

Convidada a participar pela primeira vez de um Mundial, a banda marcial da escola conquistou o bronze em um campeonato concorrido, que contou com a participação de 26 bandas de diversos países dentre os quais, Canadá, Brasil, Venezuela, Colômbia, Uruguai, Polônia e Alemanha. Concentradas no estádio do Clube Atlético Bragantino, as disputas foram realizadas nas categorias “Parada Competitiva”, “Show Competição” e “Batalha de Percussão”.

A agremiação amazonense, representada por 85 integrantes, obteve bronze em todas as três modalidades disputadas e firmou-se com um dos grupos mais qualificados, conquistando vaga para o Mundial da Dinamarca.

Para o maestro e coordenador da banda, Wellington Brito, o reconhecimento e os resultados são frutos da valorização dos talentos locais. “Ensaiamos bastante e nos dedicamos integralmente para representar com brilhantismo o nosso Amazonas. O resultado nos encheu de orgulho”, disse.

Banda conta com 85 alunos da Escola Estadual Petrônio Portela (Foto: Divulgação)

O secretário de Estado de Educação, Rossieli Silva, parabenizou a conquista do grupo. “Há bastante tempo acompanhamos a trajetória da banda marcial da Petrônio Portela, assim como de outras agremiações escolares. A conquista dessa vaga para o Mundial na Dinamarca é, sem dúvida, resultado de muito esforço e dedicação desses jovens talentos que merecem ser aplaudidos”, citou o secretário.

Para a apresentação em São Paulo a banda interpretou músicas espanholas como “Estancia”, do compositor Jay Dawson e “Malagueña” do compositor Ernesto Lecuona. A proposta foi usar uma diversidade de instrumentos como trompetes, trombone, trompa, bombardinos, tubas, caixa, bumbo, prato e claro muita técnica e movimentos dos componentes coreográficos.

Trajetória

A banda marcial da escola estadual Senador Petrônio Portela foi criada em 2003 com objetivo de atender a diversidade cultural dos discentes da escola. A banda executa músicas de estilo clássico e popular. Em 2010, foi elevada à categoria de banda marcial com a formação divida em 15 integrantes no corpo coreográfico, 15 na linha de frente e 55 na banda.

A banda marcial coleciona títulos nas categorias Linha de Frente, Mor Comando, Banda, Corporação Musical e Corpo Coreográfico em apresentações no Estado, mantendo o status de invicta até hoje.