Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Boi-bumbá: Garantido apresenta ‘A noite do Levantador de Toadas’ e Caprichoso entra nos ensaios finais para o Festival

Após a homenagem à porta-estandarte Verena Ferreira, o boi vermelho-e-branco celebra a figura que dá voz ao folclore; enquanto isso, o Azul intensifica ensaios e acerta últimos detalhes da apresentação em Parintins

Bois de Parintins se preparam para a apresentação no Festival Folclórico da cidade, que acontece entre os dias 27 e 29 de junho

Bois de Parintins se preparam para a apresentação no Festival Folclórico da cidade, que acontece entre os dias 27 e 29 de junho (Divulgação)

Na próxima sexta-feira (16), o Movimento Amigos do Garantido (MAG) realiza mais um Curral do bumbá vermelho. O evento, que será realizado no Almirante Hall, trará como tema “A noite do Levantador de Toadas”. Enquanto isso, as tribos do Caprichoso intensificam seus ensaios na Bumbódromo de Parintins, já focada no Festival Folclórico.

O show do Garantido será comandado pelo levantador de toadas oficial, Sebastião Júnior, e também contará com a participação do amo do boi Tony Medeiros, Carlinhos do boi, Márcia Siqueira, Hamiraldo da Mata, Batucada, Comando Garantido e o grupo de dança Garantido Show. Os ingressos custam R$10 (meia).

Levantador de toadas oficial do Boi Garantido há cinco anos, Sebastião Júnior foi a grande surpresa do festival de 2010, quando mostrou na arena seu potencial e talento, conquistando a nação vermelha e branca com inovação e humildade.

Revolucionando o item de número 2 desde então, caiu nas graças da galera encarnada. Também chamado de "Uirapuru da Amazônia", Sebastião além de cantor, também é compositor e produtor musical.

Ensaios intensificados

“O Caprichoso tem essa preocupação de profissionalizar cada vez mais a nossa festa e nada mais correto treinarmos no palco onde o espetáculo acontece”, afirmou o coordenador de coreográfico do bumbá, Jair Almeida, ao falar sobre os ensaios das tribos, que desde segunda-feira (12), passaram a ser realizados no Bumbódromo.

Há duas semanas passando as coreografias a mais de 350 brincantes, Jair destaca que o Caprichoso preza pela qualidade cênico-coreográfica e promete surpresas nos momentos tribais durante as três noites de apresentação no Festival Folclórico de Parintins. As tribos são divididas femininas e masculinas e celebração tribal.

“Os ensaios aconteciam no Curral Zeca Xibelão. Nossa mudança de local também não deixa de ser algo estratégico e visa melhor adequação dos brincantes com o local. Nosso boi tem uma nova proposta nesse ano de 2014 e o presidente Joilto Azedo e o vice Rossy Amoedo, a frente do Conselho de Artes, abraçaram essas iniciativas que só tem a engrandecer nosso boi de arena”, acrescentou Jair.

Além de Jair Almeida, trabalham em conjunto nas tribos os coreógrafos Neto Beltrão, Erik Beltrão, Marcos Falcão, Marcos e Rilker. Os ensaios terão prosseguimento até os dias que antecedem o Festival Folclórico, que nesse ano acontece nos dias 27, 28 e 29 de junho.\

Reuniões

De acordo com o conselheiro de artes, Gil Gonçalves, a concepção dos trabalhos entra na reta final, assim como a escolha do repertório musical de arena 2014. Ele lembra que aos itens individuais são repassados detalhes da apresentação de cada um nas três noites de festival.

“Estamos chamando cada um e apresentando a todos o espetáculo que rege o surgimento de cada um deles e demais elementos agregadores, mantidos em segredo. Tudo é discutido passo a passo, pensando na grandiosidade preparada para o festival deste ano”, afirmou Gil.

O conselheiro lembrou que a temática indígena “Táwapayêra” desperta um fascínio, pois se trata do imaginário indígena da Amazônia. “O caprichoso trabalha com audácia em viajar e resgatar esse universo místico. É uma temática forte. Seremos rigorosos. Estamos bem fundamentados e tenho certeza que o Caprichoso fará uma grandiosa apresentação”, avaliou o membro do Conselho de Artes.