Log in

Bem-vindo Log out Alterar dados pessoais

Esqueceu a senha?

X

Qualquer dúvida click no link ao lado para contato com a Central de Atendimento ao Assinante

Esqueceu a senha?

X

Sua senha foi enviadad para o e-mail:

Fabio Arruda dá dicas para as festas de fim de ano

Consultor de etiqueta gravou participação no reality “Peladão a Bordo”, da TV A Crítica

Fabio apresenta quadro no“Hoje em dia”,da TV Record

Fabio apresenta quadro no“Hoje em dia”,da TV Record (Luiz Vasconcelos)

No fim de semana, o consultor de etiqueta Fabio Arruda veio a Manaus a convite da TV A Crítica para participar da próxima eliminação do “Peladão a Bordo”, que vai ao ar hoje à noite, após o “Jornal da Record”. O BEM VIVER aproveitou a deixa e conversou com o especialista carioca sobre o que dizem as regras do bom comportamento para esta época de festas de fim de ano (confira listas ao lado).

Para início de conversa, ele é categórico ao afirmar que etiqueta é um assunto que nunca sai de moda. “Sempre procuro deixar claro que não é frescura, granfinagem ou coisa de rico. Podemos falar da etiqueta básica, sem entrar na seara da hipersofisticação dos talheres de prata e taças de cristal”.

Sempre bem humorado e franco, Arruda demonstra ter conhecimento de causa do que chama de “etiqueta do cotidiano”, e aí ele inclui desde um passeio no shopping até o ato de entrar no elevador ou estar no trânsito. “Todas as regras têm um porquê, e é a prática que leva à perfeição. Ninguém nasce sabendo, mas dá para começar a partir de hoje”, diz.

Ele também defende a ideia de que a etiqueta conduz à elegância. “A elegância não faz barulho e necessita de conforto. Se você não estiver à vontade com uma roupa e fica se ajeitando e olhando o tempo inteiro, também não vai estar elegante”, ensina.

BOAS FESTAS

Fabio Arruda diz que a melhor maneira de aproveitar uma ocasião é conhecer a origem e os significados da celebração, incluindo as principais datas comemorativas do calendário, como o Natal e o Réveillon. Para ele, nessa época, a regra básica é não externar sentimentos desagradáveis nas confraternizações da família ou do trabalho.

“As pessoas têm que se preocupar em resolver seus problemas e desavenças entre o Réveillon e o Natal, e não entre o Natal e o Réveillon. A principal dica é entrar no clima das festas e exercitar a tolerância e a paciência”, resume.

Por isso, a primeira dica é direcionada para a noite da véspera de Natal: não lave roupa suja. “Às vezes, é a oportunidade de encontrarmos pessoas que só vemos uma vez ao ano, então para quê ficar remoendo mágoas?”, aconselha.

A boa “etiqueta emocional” também manda a pessoa estar estável e com espírito participativo. “Se vai passar o Natal fora de casa, é importante perguntar do anfitrião o que ele gostaria que levasse para a ceia, senão acaba tendo sete saladas de maionese, oito pudins, e por aí vai”, completa Arruda. “Outra dica é levar os pratos em recipientes descartáveis, porque você jamais verá o seu potinho de novo”, brinca ele.

VIRADA

Já o Réveillon é o momento em que as aspirações para o novo ano vêm à tona. “Tem muita energia nessa história, então se vai passar na casa de alguém, saiba que o dono da casa é quem dita as regras. Entre no espírito das simpatias e superstições, mesmo que você não acredite”, destaca o consultor.

Saber o dress code e o tipo da confraternização para a qual se vai também é imprescindível. “Evite levar penetras, porque os anfitriões não são obrigados a ter provisões além do que tinham planejado. É sempre bom saber se pode ir acompanhado de mais alguém”.

Segundo Arruda, não há problema algum com o chamado “enterro dos ossos”, no dia seguinte à Virada – assim como ninguém tem a obrigação de receber no primeiro dia do ano. “A dona da casa só tem que ter o cuidado em rearranjar os pratos e recorrer a umas boas rodelas de tomate e folhas de alface se for preciso. O importante é mostrar que se preocupou”, finaliza.

Fabio Arruda estreou na TV no casamento de Patrícia de Sabrit com Fabio Jr. e participou da primeira edição do reality “A Fazenda”, da Record. Atualmente, ele participa do “Hoje em dia”, também na emissora, onde comanda o quadro “Arrumando a casa com Fábio Arruda”.

APLICATIVO

Para quem quiser ficar por dentro do universo de Fabio Arruda, está disponível na Internet o app do consultor de etiqueta, com novidades, fotos e dicas para as mais diversas situações. Download na Apple Store.

DICAS PARA O NATAL

Saber dividir horários e prioridades. Seja participativo

Administrar rivalidades e rixas. Saiba confraternizar

Se for passar fora de casa, perguntar do anfitrião que item da ceia pode levar

Respeitar os horários do anfitrião e organizar os das crianças

Caprichar no embrulho do presente

Nunca se deve dizer que não gostou do presente recebido

Evitar assuntos polêmicos, como religião e política

PARA O RÉVEILLON

Se for passar fora de casa, perguntar qual o dress code e o tipo da confraternização

Respeitar e participar das simpatias propostas pelo anfitrião

Evitar levar penetras

Se for receber no dia seguinte, preocupar-se em rearranjar os pratos

Ser tolerante quanto ao horário do almoço do dia seguinte